Revista Statto

ENERGIA MARCIANA E A SEXUALIDADE

19/06/2019 às 11h13

Na Astrologia, temos todos os signos do zodíaco em algum lugar do nosso mapa astral, estando os Planetas e suas respectivas forças agindo de forma mais fluente ou desafiadora (dependendo dos aspectos astrológicos) nos signos em que se encontram.

Marte, que é um planeta que nos proporciona energia, nos coloca em ação e movimento, é um bom termômetro sobre nossa intensidade e desejo sexual.

Conhecido como o planeta guerreiro e de atitude, Marte é um bom indicador de como as pessoas podem se comportar nos momentos mais íntimos com seus parceiros. Saber o posicionamento desse planeta no mapa, isto é, em qual signo ele se encontra e sua energia correspondente, nos proporciona autoconhecimento e ainda várias dicas de como dar uma apimentada na hora do sexo.

O Planeta Marte no mapa nos possibilita um bom entendimento na área sexual, mas como cada pessoa é única, esse posicionamento é apenas uma entre várias possibilidades dentro de uma leitura astrológica. Precisamos ter consciência que a astrologia é um conjunto de informações, por isso é importante nunca “generalizar” as coisas!

Segue aqui algumas curiosidades do posicionamento desse Planeta nos momentos mais quentes:

  • Marte em Áries: gosta de intensidade, é ousado e curte se arriscar! É direto e até agressivo na hora do sexo.
  • Marte em Touro: adora as preliminares e tem muito forte as questões sensoriais! O ambiente vai contar bastante.
  • Marte em Gêmeos: aqui a comunicação fala mais alto! Gemidos, sussurros e falar no ouvido do parceiro é a pedida.
  • Marte em Câncer: precisa ter afeto durante a relação! Ir mais devagar, criar um clima legal e com bastante apelo emocional.
  • Marte em Leão: levantar a bola do parceiro! Elogiar e fazer um drama também ajuda bastante.
  • Marte em Virgem: os detalhes fazem toda a diferença! Vale algum fetiche e fantasia pra agradar.
  • Marte em Libra: criar um clima e um ambiente harmônico! Velas perfumadas, boa música e um vinho fazem a diferença.
  • Marte em Escorpião: a sedução fala mais alto! Erotismo e conexão profunda com o parceiro antes e durante o sexo.
  • Marte em Sagitário: diversão e brincadeiras estão valendo! Fazer sexo ao ar-livre e dar boas risadas também tem o astral.
  • Marte em Capricórnio: gosta de ter o controle da situação! Brincar de dominar o parceiro apimenta a relação sexual.
  • Marte em Aquário: liberdade é quem dita as regras! Diversificar posições e criar situações inusitadas faz parte.
  • Marte em Peixes: magia, fantasia e sensibilidade! Que tal dormir de conchinha?

E aí, ficou curioso para saber em qual signo Marte está no seu mapa astral? E seu parceiro, se você fosse apostar, qual seria o signo?

SIM, VOCÊ TAMBÉM É DE LUA!

29/04/2019 às 11h27

Você sabia que a Lua interfere, e muito, no nosso humor e nas nossas ações?

A grande maioria das pessoas nem imagina o quanto a Lua influencia e afeta diretamente nossas vidas, inclusive as nossas emoções. Este astro, que não é um planeta, e sim um Luminar, leva em torno de 28 dias para dar a volta inteira no zodíaco, passando por suas quatro fases: nova, crescente, cheia e minguante.

Essa forte e poderosa influência que afeta nosso dia-a-dia, pode ser explicada pela grande energia que Lua tem. Cada fase tem um estimulo e vibração diferente e sabendo aproveitar e planejar a nossa vida com esses ciclos da natureza, podemos ter muitos ganhos e evitar grandes conflitos!

Quando o Sol e a Lua estão passando pelo mesmo signo e em graus muito próximos, eles estão, como chamamos na astrologia, em conjunção. Esse período é chamado de Lua Nova, é o momento para dar inicio aos nossos projetos, começar o planejamento de tudo que queremos que vingue durante o ciclo lunar. Também chamamos de uma fase de “germinação”.  É na Lua Nova que a estratégia prevalece, é a hora da criatividade aflorar, começar aquele curso tão esperado, iniciar um novo trabalho e também dar o pontapé inicial naquilo que vamos colher na fase da Lua Cheia.

 

A segunda fase do ciclo lunar é chamada de Lua Crescente e é quando Sol e Lua estão a 90 graus de distância entre si, formando uma quadratura, que é um aspecto desafiador na astrologia. Nessa fase é o momento de ver quais as sementes que foram plantadas na Lua Nova que vão vingar. Na Lua Crescente as coisas serão testadas, passarão por resistências e desafios, mas é nessa hora que o que tiver que crescer e florescer permanecerá e aquilo que não germinou, ficará de lado ou para um novo ciclo lunar . A Lua Crescente é a hora de enfrentar, lutar, pois ainda existe tempo para transformar aquilo que projetamos na Lua Nova.

 

Na Lua Cheia, que é o terceiro ciclo lunar, é quando Sol e Lua estão em signos opostos, ou seja, estão se “encarando” e se encontram a 180 graus de distância. O Sol ilumina a Lua no seu ponto máximo. A atração gravitacional do Sol e da Lua sobre a Terra está em nível máximo, é um momento de transbordamento total. Tudo que foi plantado na Lua Nova e mantido e crescido durante a Lua Crescente, toma forma, é o ápice do ciclo. Durante a Lua Cheia, as pessoas estão mais eufóricas, saem mais, bebem mais, estão mais dispostas sexualmente e também ficam mais ansiosas. Interessante você perceber que durante a Lua Cheia, tendemos a reter mais líquido, ganhamos inclusive uns quilinhos a mais! As marés ficam altas e agitadas, tudo devido ao aumento de força gravitacional.

E para finalizar o ciclo lunar, chega o momento de se recolher e buscar interiorização durante a Lua Minguante. É o momento de menor força gravitacional da Lua sobre a Terra. Durante a Lua Minguante devemos olhar para dentro, analisar os erros e acertos, é tempo de finalizar pendências e ciclos. Não é um bom período para lançar produtos e empreendimentos, pois tudo está minguando e as pessoas estão mais introspectivas. A Lua Minguante pede reflexão e análise interior, é hora de descansar o corpo, a mente e alma para, assim que chegar a próxima lunação, a Lua Nova, começarmos tudo novamente com mais aprendizados, foco e felicidade.

 

 

Bento Ilha

www.bentoilha.com.br
Telefone: (51) 9693.2282

OS PLANETAS SÃO GRANDES ARTISTAS!

28/02/2019 às 16h23

Pelo título, talvez você pode estar imaginando que vou falar sobre o Planeta Atlântida, o megaevento que aconteceu esses dias no litoral gaúcho. Olha, o Planeta me remete a várias lembranças e experiências inesquecíveis, realmente só que só quem vai sente.. . Mas não, hoje quero compartilhar com vocês um pouco sobre os planetas do nosso sistema solar e como que eles influenciam na nossa vida aqui na Terra, tendo como base esse saber milenar que é a Astrologia.

Muitas pessoas não se identificam com seu signo solar de nascimento (esse signo que todos nós sabemos, o mesmo do horóscopo) e pairam muitas dúvidas e até mesmo uma certa resistência ao assunto. Na realidade nosso mapa vai muito além do nosso signo. É um conjunto de informações e aspectos que ditam nossas tendências astrológicas, porém é importante lembrar que temos o nosso livre-arbítrio para agir. Tornando consciente coisas que até então estavam inconscientes nos proporcionam inúmeras possibilidades de lidar com os desafios e aproveitar as oportunidades do mapa. Mas e você aí, se identifica bem com o seu signo de nascimento?

Conheço arianos impulsivos, valentes e ao mesmo tempo amáveis e doces. Mas Bento, não pode, os arianos são fortes, tem muita resistência e energia, estão sempre na linha de frente… Isso é coisa pra cancerianos e piscianos..! Por essas e por outras que precisamos entender o mapa como um todo. Descobrir, por exemplo, em qual signo está a lua e qual nosso signo ascendente. A Lua rege as nossas emoções, o inconsciente, está relacionada ao nosso passado e a figura feminina. Já o ascendente mostra como nos mostramos ao mundo, como as pessoas nos veem. Entender, por exemplo, como o planeta vênus, do amor, dos relacionamentos e da afetividade, está “conversando”, se aspectando com outros planetas do mapa, também nos ajuda a entender a personalidade e sentimentos do outro.

Tudo bem que quase todo taurino é comilão e teimoso, os geminianos falam pelos cotovelos e os capricornianos são, emocionalmente mais frios. Que os sagitarianos adoram uma aventura e que os aquarianos querem liberdade para expressar sua criatividade, todo mundo sabe. Também não é surpresa afirmar que os librianos são indecisos, os virginianos são metódicos e os leoninos, o rei do pedaço! Mas é bom lembrar que todos nós temos todos os signos em algum lugar do nosso mapa.

O mapa astral um é registro, uma fotografia do céu no momento exato do nosso nascimento. Por isso é muito importante saber o horário em que nascemos para que junto do dia e da cidade, possamos fazer a leitura completa. Antigamente os astrólogos precisam calcular tudo “à mão”, sempre de olho no céu, já nos dias de hoje existem programas e sites, inclusive alguns gratuitos, para explorarmos a nossa configuração astral.

 

Para exemplificar tal influência de forma mais lúdica, durante meus atendimentos e palestras, costumo fazer uma metáfora. Segue:

“Os Planetas (mercúrio, vênus, marte, júpiter, saturno, netuno, urano e plutão) são como se fossem artistas. Eles representam tipos de energia diferentes e são relacionados com acontecimentos na terra. Já os signos representam as atitudes, características e formas de abordar a vida, é o “estilo” desse artista! Agora imagine que esses artistas vão atuar e se apresentar em algum palco. Esse palco, são as casas astrológicas em que eles se encontram . As casas representam diferentes áreas de vivência em que as energias vão se apresentar,  tais como dinheiro, filhos, saúde, viagens, relacionamento e educação”.

 

Bento Ilha

Terapeuta Holístico 
www.bentoilha.com.br
Telefone: (51) 9693.2282

 

 

 

BENTO ILHA

12/12/2018 às 16h47

O autoconhecimento me libertou! Você acha que já se conhece o suficiente ou ainda tem muito o que aprender sobre a sua personalidade? Bem, irei contar como minha vida se transformou quando eu realmente me conheci, através da astrologia. Sou Bento Ilha, nasci em Porto Alegre, na capital gaúcha e me “criei” em Cachoeira do Sul – região central do Estado. Também já morei em lugares como: São Paulo, Rio de Janeiro e Los Angeles, na Califórnia, EUA. Atualmente mantenho minha “base” no Distrito do Recanto Maestro, a 30km de Santa Maria e 170km de Porto Alegre. Como a maioria das pessoas, eu já almejei ter a profissão dos sonhos, estabilidade emocional e financeira, uma família padrão. Porém, esses
pensamentos não me satisfaziam, eu estava sempre em busca de algo a mais, e assim, minha vida profissional e pessoal tomou rumos extremos. Já assumi projetos que eram “cilada” e, outros, que me renderam experiências inenarráveis. E, hoje, eu sei que tudo aconteceu por algum propósito – e que me fez buscar entender quem eu realmente sou.

Mas, então, como descobri quem eu sou e o que realmente quero da minha vida? Através de algo que todos temos e que nos faz únicos: o mapa astral. A astrologia sempre me chamou a atenção, mas eu não tinha percebido o quanto conhecer mais a mim mesmo, mudaria a minha vida em todos os sentidos. Descobri, depois de muito processo de autoconhecimento, que o meu maior valor é a LIBERDADE! Valor tão importante que me levou a uma transição de carreira bem interessante como empreendedor do ramo de entretenimento, onde tive a oportunidade, nos dois últimos anos,de trabalhar diretamente com personalidades como: Neymar, Anitta e Ronaldinho Gaúcho, para me tornar um profissional que se dedica a desenvolver e transformar pessoas.

Confesso que essa transição custou um preço alto, inclusive ainda sinto respingos dessa tomada de decisão, que mudou completamente minha história e me faz uma pessoa muito mais feliz e realizada na vida pessoal e profissional.

Ano passado, durante uma peregrinação de mais de 800km no Caminho de Santiago de Compostela, na Espanha, tive uma série de insights que transformaram ainda mais minha vida. Tive de fazer escolhas, e não foi nada fácil, porém altamente libertador. Lá, o processo de desapego e introspecção se uniram com as técnicas e ferramentas de desenvolvimento humano. Depois dessa experiência me tornei oficialmente um Terapeuta Holístico e, hoje, minha especialidade profissional é o Coaching Astrológico.

Costumo falar para meus clientes que a vida é cheia de escolhas, e que todas elas têm ganhos e perdas. Mas o grande aprendizado que destaco, é: como eu consigo minimizar as perdas? Nas próximas edições da revista irei compartilhar com vocês parte do meu conhecimento e como isso me ajudou, junto ao Coaching, no meu autoconhecimento Astrológico.

Seguidamente algum cliente me faz essa pergunta: “Bento, e se meu mapa mostrar certas coisas sobre mim que não são tão boas?”. Minha resposta é sempre a mesma: “todos nós temos o livre-arbítrio e, sendo a astrologia uma tendência, podemos entender qual a melhor forma de lidar com tais desafios e se preparar para tirar os aprendizados dos ciclos astrológicos.

Acredito que estamos de passagem na Terra, para evoluir e, quando buscamos sermos pessoas melhores,
em diferentes áreas da nossa vida, estamos cumprindo nossa missão, expandindo nossa consciência e nos tornando cada vez mais evoluídos espiritualmente”.
Namastê! Gratidão!

Acesse: www.bentoilha.com.br