Revista Statto

SETEMBRO AMARELO: MÊS DE PREVENÇÃO AO SUICÍDIO

12/09/2020 às 15h53

Setembro começou e vemos a importância de conversarmos sobre um tema que muito tem receio, mas que é de fundamental importância, o suicídio. Estamos no setembro amarelo por isso eu, Dany Pimenta, Psicóloga em parceria com a Jornalista e amiga Isabella Kubera, resolvemos trazer para nossos seguidores e leitores uma reflexão acerca do tema.

Muitas são as causas do suicídio, contudo a mais relevante são os transtornos mentais.

Cito dentre tais transtornos a depressão que tem sido uma das doenças que mais levam o indivíduo ao suicídio.

A depressão está relacionada a vários aspectos dentre eles ressalto problemas com a própria imagem, perdas, baixa estima etc.

Quando falamos em baixa estima lembramos desse gatilho que desperta a depressão e que se não for devidamente tratada, leva ao suicidio. Vemos em nosso dia a dia o quanto a auto estima é presente na vida de nós mulheres. Precisamos nos sentir lindas para sermos aceitas é assim notada. Muitas vezes nos tornamos escravas da beleza estereotipada pela mídia.

Isabella Kubera, jornalista, digital influencer e minha parceira nesse projeto nos traz a seguinte reflexão.

Parece sempre muito óbvio e até meio clichê falar sobre autoestima, mas já pararam para pensar o quanto nos cobramos todo tempo e nos comparamos com imagens de perfeição idealizadas?  Hoje nas redes sociais então, nós nos deparamos com a perfeição a todo o tempo mas se cada uma de nós parar para olhar para si mesma, veremos o quanto somos especiais e únicas e temos algo peculiar e incomparável.

Olhamos no espelho e não vemos muitas vezes a imagem perfeita e isso começa a nos afetar de muitas formas colocando em risco nosso amor próprio e nossa autoconfiança. Nessa era modificável onde podemos preencher lábios, seios e retirar as gordurinhas com facilidade   precisamos muito perceber que apesar de modificar o exterior que é algo que achamos que nos incomoda, mas na realidade o que precisamos é olhar para dentro de nós mesmas e começar a mudança de dentro para fora.

Paremos para ouvir mais o outro e perceber o que ele está nos colocando, talvez não seja uma palavra ou um grito de socorro, mas gestos que se observados serão alerta do perigoso: suicídio. Fale mais o que sente e o que pensa. Procure ajuda médica e psicológica.

Lembre-se sempre que há uma luz e uma mão estendida para te ajudar. Você não está sozinha!

Acompanhem nosso trabalho pelos ig @danypimentaof e @isabellakubera

O SIGNIFICADO DO SOFRIMENTO

24/06/2020 às 13h47

Textos sobre sofrimento talvez seja algo que você não veja muitos escreverem nem tampouco você goste de falar sobre esse assunto. Um tema que não gostamos de debater por ser algo que evitamos em nossas vidas.

Mas como uma moeda, tudo tem suas duas faces e este texto é para mostrar a face positiva dessa moeda.

Sofrer é sentir uma sensação desagradável que faz chorar, perder as forças ou até mesmo a vontade de viver.

O sofrimento tem seu papel e função na vida humana trazendo crescimento, perda da zona de conforto, mudanças, tomada de consciência e aceitação.

Este é o lado positivo que lhes trago do sofrer.

Ao decorrer deste texto você irá compreender melhor o que tem o sofrimento de positivo para nossas vidas.

A maioria das pessoas estão acostumadas a enxergar apenas o lado negativo das coisas. Assim, veem o sofrer como apenas perda da saúde quer seja física ou emocional, perda de quem amamos, perda do grande amor ou até mesmo de um ente querido. Sofrer para muitos está relacionado a tristeza, a dor. Mas, na vida temos o poder de escolher entre sofrer ou aprender e dar a volta por cima, saindo da situação mais fortalecido e com um rico aprendizado.

Abaixo aponto alguns que mostram como tornar o sofrimento algo positivo.

Sofrimento x escolhas: Há momentos em que precisamos fazer escolhas mesmo que estas tragam dor. Escolhas exigem coragem e assim discernimento. Se alguma escolha sua te fizer sofrer mas essa seja a melhor neste momento, aceite, viva o luto e se fortaleça para arcar com o novo rumo que você escolheu para sua vida.

Sofrimento x aceitação: Aceitar uma perda ou mudança não é fácil, principalmente quando tenha sido percurso da vida e não sua opção.

Mas, o que adianta você viver sofrendo por algo que não depende de você?

Você tem o poder de escolher continuar chorando pelo leite derramado ou simplesmente aceitar e recomeçar.

Sofrimento x auto estima: Se você se ama, com certeza não vai querer lágrimas e lamentações no cenário da sua vida. Auto estima é me colocar em primeiro lugar valorizando o meu bem-estar pelo fato de me amar. Assim, pessoas de alta estima não permitirá que o sofrimento “domine” sua vida. Você pode escolher se amar e cuidar de si, incluindo desenvolver sua saúde emocional e manter seu equilíbrio orgânico. Busque agir em prol da sua melhoria e superação.

Sofrimento x coragem: Quantas vezes não temos coragem de tomar uma decisão e nos acostumamos a situação por medo ou insegurança?!

Esperamos que o outro dê o rumo para nossa vida ou achamos que o sentido da vida depende sempre de alguém.

O sofrimento após o período de negação faz com que tenhamos coragem para recompor nosso ego. A partir dele muitas pessoas tem a coragem para lutar pelo que quer, encontram forças para refazer suas vidas, adaptando-se assim a novas rotinas e situações saindo assim da zona de conforto.

Sofrimento x fé: Pela correria do dia a dia e as inúmeras cobranças que temos, não paramos para nos conectar com o que cremos. Pelo sofrer as pessoas tem suas vidas freadas e assim veem que há algo maior que tudo isso que vivemos. Um Deus que sempre esteve conosco e que não tínhamos tempo para percebê-lo nem mesmo senti-lo. É no momento de dor que buscamos nos refazer buscando forças no sobrenatural: Deus!

Percebeu o quanto podemos aprender e crescer com o sofrimento? Não que escolhamos crescer com ele, mas que através dele cresçamos, já que na vida é inevitável sofrer.

Tudo terá a intensidade e o tamanho que você atribui. Procure ver o lado positivo de cada situação, de cada perda, de cada escolha. Não escolha sofrer e deixar que sua vida passe sem que você perceba.

A cada dia vire a página do livro da vida e escreva uma nova história com olhos de sabedoria, coragem e positividade.

Nenhum sofrimento é eterno. Escolha viver! Ser feliz! Crescer e ser você!

BRIAN MACKEY CANTOR, COMPOSITOR, GUITARRISTA E PIANISTA

03/06/2020 às 15h52

Brian Mackey, nasceu em Nova Jersey, é cantor, compositor, guitarrista e pianista, iniciou sua carreira solo em 2006.

Lançou várias canções e álbuns sendo assim sucesso na Tv e no cinema.

Recentemente, Brian compôs uma música que em pouco tempo já tem mais de 1 milhão de visualizações.

A canção Keep the world alive, que traz além de uma melodia que acalma nossa alma e tranquiliza nossos corações, uma reflexão de que não devemos perder a esperança

Brian relata em sua canção que temos que manter a fé queimando e o mundo girando.

Traz uma reflexão de quando não precisávamos usar máscaras para sairmos de casa nem tampouco luvas para irmos ao supermercado. De como está sendo o ano de 2020 e que estamos passando por um momento crítico, mas que o amor vai prevalecer.

Ele traz por meio de uma canção de suave melodia o quanto as coisas mudaram. O quanto o que era possível neste momento se tornou impossível. Mas ele enfatiza que não podemos perder a fé.

Assim como nosso querido cantor temos que ter a consciência da nossa responsabilidade em preservar a vida através dos cuidados contra esse vírus que antes era apenas uma bebida e agora pura destruição.

Acompanhem o trabalho incrível desse grande artista por meios das mídias sociais, Instagram @brianmackeymusic.

COMO MANTER SUA SAÚDE MENTAL DURANTE ISOLAMENTO SOCIAL

02/06/2020 às 13h28

Em meio a uma pandemia o mais recomendado no momento para que não haja proliferação do vírus Covid-19, é o isolamento social.

São tantas notícias de índices de contaminação e mortes que recebemos pelas mídias que nossas emoções têm sofrido ataques externos desencadeando mais e mais produção de cortisol, hormônio que ocasiona baixa imunológica.

Para que você passe por esse período de reclusão social deixarei 05 dicas importantes onde você ocupará seu tempo com qualidade e saúde emocional:

Busque fortalecimento espiritual – somos seres holístico e assim possuímos no nosso todo o lado espiritual. Baseado no que você crer busque se fortalecer espiritualmente com orações etc.

Cuide da sua mente – evite se encher de tanta informação negativa que desencadeia ansiedade, medo, tristeza, etc.  Mantenha pensamentos positivos acreditando sempre no que é melhor. Lembre-se de que pensamentos geram sensações, emoções e emana vibrações para obrei corpo. Mente sã, corpo são.

Cuide da sua alimentação – busque consumir menos gorduras e açúcares. Dê preferência a frutas, verduras e proteínas. Uma boa alimentação ajuda a ter saúde fortalecida.

Cuide da sua aparência – Dedique tempo para cuidar de si mesmo. Organize suas roupas, makes, sapatos etc. Cuide do seu cabelo, pele e corpo, mesmo que não possas ir a um salão, você pode se dedicar a autocuidado. Quando nós cuidamos da nossa aparência nossa autoestima aumenta. Faça exercícios físicos em casa. Mantenha-se ativo sempre.

Estabeleça uma rotina – Procure manter seus horários como antes da Pandemia. Acorde cedo, mantenha uma rotina diária com atividades que ocupem seu tempo. Sentir-se ocioso é sintoma de que você não está preenchendo seu tempo como deveria. Leia livros, faça cursos on-line.

Lembre-se sempre de que essa pandemia vai passar. Nenhuma crise dura a vida inteira. Não foque no problema, mas nas oportunidades. Continue seu dia a dia com ocupações para que esse período não cause danos a sua saúde mental.

O PODER DA RESILIÊNCIA

25/05/2020 às 20h29

Para falar sobre Resiliência, preciso inicialmente abordar o significado desse termo.

Este termo surgiu da Física e é a propriedade que alguns corpos apresentam de retornar à forma original após terem sido submetidos a uma deformação elástica.

Para a psicologia a resiliência é a capacidade de o indivíduo lidar com problemas, adaptar-se a mudanças, superar obstáculos ou resistir à pressão de situações adversas como choque, estresse, algum tipo de evento traumático, entre outros.

Agora que você já entendeu o significa e a representação desta palavra vamos começar a aprofundar sua importância em nossas vidas.

Como seres humanos somos únicos e assim apresentamos uma maior capacidade de superação enquanto que outros não sabem lidar com perdas, frustrações etc.

Pessoas resilientes tem maior controle sobre suas vidas, apresentando assim comportamento mais saudável e proativo.

Quando falamos “fazer do limão uma limonada” estamos dando conotação a um exemplo de comportamento resiliente, ou seja, quando mediante a uma situação difícil você consegue buscar soluções sem se deixar abalar psicologicamente.

Pessoas residentes aceitam ser ajudadas, acreditam em si, veem o lado positivo de uma situação difícil e assim dão a volta por cima das circunstâncias. Traçam estratégias, pensam positivamente, acreditam sempre em seu potencial.

Ser resiliente é importante em qualquer situação e você pode se tornar uma pessoa resiliente.

Seguem algumas dicas para você se exercitar:

  • Uma dica importante é manter seu corpo bem por meio de alimentação saudável e exercícios, assim você terá mais condições de reagir melhor emocionalmente.
  • Aceite ajuda quando não conseguir sozinho buscar soluções: reconhecer seus limites e saber que você tem pessoas com as quais pode contar em situações adversas ajudarão a você ser resiliente.
  • Mantenha sua autoestima elevada: o amor próprio e o autocuidado são essências para autoestima. Quando se ama não se permite permanecer muito tempo em sofrimento.
  • Seja positivo: acredito que você já cansou de ouvir mente sã, corpo são. Quando pensamos positivamente, conseguimos visualizar estratégias para superar qualquer obstáculo.
  • Por fim Confie em Você: quantas vezes achamos que está no fundo do poço é não ter condições de superação?! Para pessoas resilientes está no fundo é está a um passo do recomeço porque não se tem mais para onde descer e a alternativa é subir quer seja estendendo a mão para alguém que queria ajudar ou escalando sozinho. Veja que de lá do fundo quando você olha para cima há uma luz e, consequentemente uma esperança. Acredite que você é capaz!

Não espere para amanhã para trabalhar suas habilidades e formas de lidar com suas emoções. Seja proativo e resiliente. Busque soluções e não foque apenas na dificuldade nem no problema. Você verá o quanto é capaz!

DICAS DE COMO MANTER SUA AUTOESTIMA

21/05/2020 às 18h03

Falar sobre autoestima é algo que gosto muito pois percebo o quanto ela influencia a vida das pessoas.

Nossa autoestima começa se formar na infância onde aprendemos e absorvemos conteúdos, aspectos e vivências que vão constituir traços da nossa personalidade. É assim que constituímos nossa autoestima, passando do egocentrismo onde deixamos de ser o centro de tudo para ser um ser social respeitando as diferenças e aceitando as individualidades.

Nosso primeiro contato é com a mãe sendo ela a nossa referência de amor e proteção. Vocês já pararam para ver o quanto absorvemos de nossas mães? O quanto seus conceitos e críticas influenciam na nossa personalidade e comportamento?

A autoestima tem ligação direta com essa relação estabelecida com nossa mãe. Desde pequenos aprendemos a nos cuidar e consequentemente nos amar, pois só se cuida quem se ama.

E esse amor que você tem por si mesmo é que estabelece se sua autoestima está elevada ou baixa.

Para você que precisa estar sempre com alta estima deixo aqui algumas dicas básicas para aplicar no seu dia a dia:

  • Faça uma tatuagem mental: tatue na sua mente a frase “Isso não é comigo”! E use sempre quando alguém despejar palavras que possam te magoar ou te diminuir. Muita coisa que as pessoas falam é do que está cheio seu coração e sua própria vida. Então não se contamine!
  • Olhe no espelho diariamente: você precisa assimilar a pessoa que você é. Quando se olhar no espelho veja o quanto você é forte e já superou tantos obstáculos. Veja o leão que existe em você!
  • Aceite sua imagem: aceitar sua imagem é aceitar você mesmo. Aceitar seu corpo, suas características e sua maneira de ser. Quando você se ama e se valoriza as pessoas passam a te respeitar do jeito que você é. Por trás de um corpo há um ser com sonhos, qualidades e acima de tudo uma vida. Uma pessoa que não se resume a padrões sociais nem tampouco estereótipos. Mas um indivíduo que tem o direito de ser respeitado do jeito que é.
  • Liberte-se de relações tóxicas: Para estar bem você precisa se distanciar de pessoas tóxicas. Pessoas que por mais que você ame e que acredite que precisa delas, lhe fazem mal com comentários, gestos e comportamentos.
  • Relacionamentos que não te acrescentam nada de positivo são desprezíveis. Pense nisso!
  • Alimente sua paz interior: quando estamos bem interiormente, exteriorizamos e nos tornamos pessoas mais alegres e felizes. A felicidade não é algo que depende dos outros, mas de você. É um estado de espírito.

Se achou que é difícil e que não vai conseguir, então comece, pois, é um exercício diário que vai com certeza melhorar sua mente e consequentemente sua vida. Mente sã, corpo são! Tenho uma frase que coloco todo dia em prática e quero compartilhar com vocês: O céu é o limite! Então não há nada que possa impedir seu bem-estar a não ser você!