Revista Statto

REALIZAR OS SONHOS É DIFÍCIL, MAS NÃO É IMPOSSÍVEL!

21/05/2020 às 11h12

Todo mundo já sonhou em ter ou conseguir alguma coisa, algo importante que sem sombra de dúvidas o fará muito feliz, do contrário não sonhariam com aquilo. O problema é que poucas pessoas tentaram realizar, e muito menos conseguiram. Será que apenas algumas poucas pessoas são escolhidas pelo acaso para realizar tamanha façanha? Será mesmo que devemos largar a esperança jogar tudo para o ar e deixar de tentar obter o que mais desejamos?

Geralmente as pessoas tendem a desistir dos sonhos facilmente sem nem mesmo chegar na metade do caminho, outras são mais perseverantes e conseguem realiza-los. A insegurança e a falta de confiança são fatores que nos fazem desistir de tentar, pois a primeira coisa que se pensa é: “Isso é impossível de acontecer” e para nos convencer disso pensamos em todos os motivos pela qual achamos ser impossível, esses motivos são tão convincentes que a nosso ver o mais fácil é desistir.

Realizar um sonho é algo que requer: confiança, determinação, planejamento, força de vontade e fé em si mesmo (se você acredita, em Deus também), coisas essas que com as dificuldades da vida vão se perdendo no caminho ao longo da nossa jornada. Uma coisa é certa não importa se você tem ou não dinheiro, tem ou não status social, tem ou não amigos, se você tiver um pouco mais de tudo aquilo que mencionei você irá conseguir realizar seus sonhos. Entretanto deve ter em mente que não será tão simples a ponto de conseguir de uma hora para outra, depois que você tem um sonho e o planeja você irá seguir todo um percurso para chegar a tão sonhada vitória, no entanto, é necessário ter paciência.

O importante é não desistir, pessoas que já tentaram realizar um sonho sabem que vários fatores tentam nos impedir ao longo desse percurso, entre eles estão pessoas (próximas ou não) que irão falar palavras que te deixarão com falta de vontade, as circunstancias da vida em que está vivendo, falta de confiança, preguiça, e as próprias palavras de derrota que fala a si mesmo.

A questão é como fazemos para enfrentar todas essas “flechas” que vem ao nosso encontro? “O auto incentivo é uma das formas de lutar contra, para se incentivar e lutar contra si mesmo é preciso ter argumentos fortes que sejam bem convincentes, como por exemplo: “se eu não realizar meus sonhos vou permanecer no mesmo lugar até morrer”, “ se eu deixar de lutar vou dar vozes as pessoas e ao invés de me fazer feliz vou deixar elas felizes, e eu não quero perder”, “se eu desistir dos meus sonhos estarei largando uma felicidade maior”. Quando você desiste de algo que você tem a chance de realizar no final só irá restar arrependimento e esse sentimento não nos deixa em paz.

Não é fácil realizar um sonho, mas nada na vida é fácil e escolher ser feliz ou ser ainda mais feliz não é uma má decisão, tenho certeza que quando você realiza um sonho você se sente extremamente feliz você irá olhar para trás e ver que todo sufoco que viveu, toda vergonha, todas as madrugadas em claro que passou valeram muito a pena. Sei disso porque já consegui realizar alguns dos meus sonhos e continuo tentando realizar outros. Tenham foco e nunca deixem que pessoas te ponham para baixo, pensem na sua própria felicidade.

A MATEMÁTICA SOB O OLHAR DOS BRASILEIROS

13/04/2020 às 20h57

A Matemática por vários anos foi vista pelos brasileiros como uma matéria muito difícil, professores que dão aula nessa área sabem como a maioria dos alunos não dão muito valor para ela porque segundo esses alunos: “A Matemática é um bicho de sete cabeças”.

Pessoas comuns também têm a idéia errada de que apenas alunos inteligentes ou nerds podem aprender essa matéria. E isso por muito tempo foi gerando um medo massivo em estudantes, já que é bem frequente no Brasil um professor de Matemática entrar em sala de aula e receber um: “Ah não, agora é Matemática”! Felizmente esse pensamento está mudando aos poucos, mas primeiro irei mostrar a relevância dessa disciplina e o que essa imagem negativa por parte de estudantes causou em nosso país há alguns anos atrás.

A Matemática é muito importante para o desenvolvimento de uma nação. Segundo a professora Annemarie Fritz-Stratmann, pesquisadora da universidade de Duisburg Essen na Alemanha “países desenvolvidos tem alunos bons em matemática, do ponto de vista do indivíduo a falta de conhecimento nessa matéria conduz a pobreza”. Países de primeiro mundo como Japão, China, Coreia do Sul, Inglaterra, Estados Unidos, etc., possui notas elevadas em conhecimento da Matemática.

Em 2013, foi divulgado o resultado do PISA (Programa Internacional de Avaliação de Estudantes), esse é o teste global mais importante que visa medir o conhecimento dos jovens em matemática, leitura e ciências. Nesse teste os países que ficaram em destaque foram os asiáticos, com a China em primeiro lugar, logo após em segundo lugar veio a Europa. Infelizmente a América Latina ficou em último, com pontuações baixíssimas, Brasil e Peru principalmente. Resultados ruins no PISA acabam prejudicando um país, porque como eu já disse antes a Matemática é essencial para o desenvolvimento de uma nação.

Mas será que agora em 2020 nada mudou? O nosso país ainda continua tendo resultados tão ruins no que diz respeito ao ensino de matemática?

Primeiro vamos navegar para o ano de 2018, finalmente nesse ano o Brasil foi promovido à elite da matemática mundial, nesse ano o IMPA (Instituto de Matemática Pura e Aplicada) divulgou a entrada do Brasil no Grupo 5, onde reúne os países mais desenvolvidos em pesquisa matemática, nesse grupo estão: Alemanha, Canadá, China, Estados Unidos, Franca, Israel, Itália, Japão, Reino Unido e Rússia.

Ainda há pessoas que pensam o pior da Matemática? Há sim, mas felizmente essa idéia de que “A matemática é um bicho de sete cabeças”, está mudando aos poucos e nosso país não está mais no fundo do poço como a alguns anos atrás, mais pessoas estão se interessando por ela, segundo dados divulgado pela Saeb (Sistema de Avaliação da Educação Básica) em 2017, 57,8% dos alunos gostam de estudar Matemática.

Ou seja, o Brasil está cada vez ganhando mais pontos no ensino dessa disciplina maravilhosa que é a Matemática, e acredito que daqui alguns anos com o esforço do governo, de professores e alunos esse número possa aumentar, e assim melhorar o desenvolvimento do Brasil.