Revista Statto

COMPARTILHE SUA FELICIDADE, COM QUEM SABE APRECIAR SEU SORRISO

27/11/2020 às 09h17

É tão gratificante quando estamos ao lado de pessoas que fazem de nossos pequenos momentos de felicidade algo tão maravilhoso, prazeroso, e ao mesmo tempo contagiante. Cerque-se de pessoas carismáticas, assertivas e sensitivas, que conseguem transmitir amor e luz, por onde passam.

Compartilhe seus melhores momentos, com aqueles que apreciam as coisas simples da vida.

Esbanje sua autoestima, e seja sempre uma pessoa elegante, serena, compreensiva, amorosa, grata e aprenda a colocar-se no lugar do seu próximo, trate as pessoas, como gostaria que elas te tratem.

É, a vida exige de nós tão pouco e nós ao contrario exigimos tanto dela, quanto na verdade, tudo se resume em amor, gratidão e compreensão.

Ame, respeite e acredite naqueles que te amam, que te respeitam e acreditam no seu potencial.

Saiba a importância de somar com cada de seus amigos, e transforme sua vida em algo significante, contagiante; aprenda com eles, assim como eles aprendem com você.

APAIXONE-SE

23/11/2020 às 11h33

Apaixone-se por aquela pessoa que busca ser feliz ao seu lado e que esteja contigo tanto nos dias difíceis quanto nos dias incertos.

Apaixone-se por alguém que te manda mensagens para falar que sente saudades e para saber como você está.

Apaixone-se por alguém que faz você se sentir especial e importante, que acredita no seu potencial e deseja a sua felicidade.

Apaixone-se por alguém que acredita nos seus sonhos, que esteja presente nas tuas derrotas e vibra contigo pelas suas conquistas e que está ao teu lado quando algo não aconteceu como você esperava, sem valores de julgamentos.

Apaixone-se por alguém que demonstra afeto e que respeita e valoriza-te.

Apaixone-se por alguém que se apaixona pela pessoa incrível que você se torna a cada dia.

Apaixone-se por alguém que cuide do teu coração e das tuas emoções, que te ame e te respeite de verdade, sem apontar as tuas falhas, mas que te ajuda a se tornar uma pessoa forte todos os dias.

Apaixone-se por alguém que deseja a sua presença, que aprecia o seu sorriso, que conhece os seus defeitos e valoriza as suas qualidades.

Apaixone-se por alguém tem a capacidade de transformar a paixão em amor. Porque sem amor, nada somos!

VOCÊ!

06/07/2020 às 18h10

Só você tinha o meu sorriso, incrível, era só você chegar ele já era seu. Só você tinha a capacidade de acalmar o meu coração, quando surgia um problema, ou eu me sentia insegura, automaticamente era você quem eu procurava.

Só você tinha meus pensamentos, parava tudo o que eu estava fazendo para lembrar do seu sorriso, sentia o seu cheiro e o tempo todo imaginava o seu rosto.

Era somente você quem tinha o meu coração, ele estava tão fascinado por você, que ele sentia sua presença mesmo estando distante e na maioria das vezes, você estava ausente, me feria a alma, mas eu sempre entendia.

Uma pena, que aquele sorriso que um dia me conquistou saiu dos meus pensamentos e não causa mais o mesmo impacto como antes.

Sua presença não acalmava mais meu coração. Agora eu tenho as respostas de todas das minhas perguntas. Hoje eu sei o motivo dessa mudança eu lembro: você não era mais presente e quando a gente se ausenta, permitimos que ocorram mudanças, foi isso que aconteceu, aprendi a sair sem você, e nessas saídas reencontrei amigos, foi quando descobrir que sempre estava sozinha. Então entendi que você não fazia mais falta.

Ninguém apareceu, acontece; que eu me achei no recomeço da vida. Várias vezes questionei meus sentimentos e pensei seriamente em mudar coisas em mim por você, então o mundo me mostrou que o problema estava realmente em mim, nas minhas escolhas e prioridades.

Descobrir que estava presa nos atalhos da minha mente e coração, ignorei fatos e circunstâncias achando que era amor.

Coloquei a palavra amor onde nunca existiu, priorizei o que jamais era prioridade e vivi uma vida que nunca foi minha.

Justamente nesse processo de renúncia para o de adaptação que entendi claramente que não posso colocar outra pessoa e muito menos minhas escolhas no trono do meu coração.

Talvez você me diga que eu mudei, eu não discordo de você, eu mudei mesmo, só que para melhor. Mudei por mim e para mim.

Com o passar do tempo gente deixa de se conformar com as coisas poucas, e não queremos mais migalhas, e passamos a querer algo a mais e por incrível que pareça, melhor, aconteceu comigo também, hoje eu desejo o banquete, cansei das migalhas.

Não tem problema, estar desculpado, marcamos outro dia o cinema, vou sozinha (o), fica para outro evento, combinaremos de ir em outro show. Podemos ir então no outro final de semana. Estava muito ocupado (a) por isso não liguei, não visitei você e também não retornei suas ligações e mensagens.

Meu Deus, tivemos tantos desencontros, fomos capazes de arrumar tantas desculpas para tudo aquilo que era óbvio: nunca foi amor, sempre foi comodismo, sempre tínhamos uma resposta – desculpa, para os não que a gente escolhia.

Eu escolhi seguir minha vida sem desculpas, não nasci para sobreviver de migalhas.

Foi isso que aconteceu, por isso não acho legal te reencontrar, atender suas ligações e aceitar suas mensagens. Esperei tanto por isso. Que agora não faz mais sentido elas existirem, eu optei por outros caminhos.

Segue sua vida, eu fiz outras escolhas e nelas lamento não incluir você.

Foi ótimo, maravilhoso enquanto durou, mas chega um momento que não tem como carregar bagagens e segurar máscaras. Tudo muda quando se descobre se tem asas e pode voar, então o “passarinho” deseja ardentemente sair rapidamente da gaiola, do cativeiro; para desfrutar do céu azul e o verde da natureza, a beleza do dia e o sossego da noite é isso que fazemos nesta etapa da vida.

Hoje me pergunto: quando foi que tudo mudou. Então meu coração responde que foram processos e etapas que eram importantes e você estava ausente. Como é cruel e ao mesmo tempo libertador a tal da ausência.

Mas ainda tenho um sentimento por você, a tal ponto que respeito suas escolhas, sou muito grata pelos bons momentos que meu coração viveu na sua companhia. Sabe, agora entendo, o beijo no rosto e abraço que dei no nosso último encontro foi a maneira de dizer que desejo sua felicidade.

Que você possa refazer sua vida e mudar como fiz. Do eu te amo para, segue a vida e seja feliz!

NUNCA FOI DIFÍCIL DIZER “ADEUS”.

16/06/2020 às 15h48

Arrumar bagagens nunca foi problema para ela, como também nunca foi difícil dizer “Adeus”.

Ela sempre entendeu que a vida é uma coisa de louco mesmo, e é tão imprevisível quanto ao futuro, por isso é que segue sua caminhada sem excesso de bagagens.

Sempre teve suas estratégias bem definidas, para alcançar com excelência seus objetivos.

Aprendeu a viver sobre pressão, a se repaginar após cada página virada, a se redescobrir em cada trajeto, sem se queixar das mazelas da vida.

Todas as vezes que caiu levantou-se sem medo de prosseguir, os traumas e os hematomas a própria vida se encarregou e se encarrega de curar.

Ela teve que aprender a ser mais leve para brilhar mais, e ter orgulho de cada vitória, é isso que a torna diferente das demais.

Já na questão do amor é um pouquinho complicado para ela, esse negócio de viver de migalhas e fanicos de amor não rola, por ter amor-próprio, qualquer sentimento não lhe serve mais, tem que ter reciprocidade, resiliência, respeito e afeto.

Nunca teve medo de recomeçar, de se repaginar, de recodificar, de retornar alguns trajetos.

Excelente em cair e mestre em erguer-se. Ela é simplesmente ela, ela é só dela e nada mais.

VOCÊ

12/06/2020 às 21h09

Hoje comemoramos o nosso momento, e fico muito feliz, pois ele nos renova a cada dia, nos ensina a superar os nossos dias difíceis, a nos compreendermos melhor e a nos perdoarmos quando nos magoamos, a dialogarmos quando não temos as melhores perguntas ou respostas.

A respeitarmos o nosso espaço e as nossas indiferenças. Juntos somos fortes, a minha fraqueza é a sua fortaleza e minha fortaleza e sua fraqueza, e isto é tão bom para o nosso relacionamento, porque descobrimos que somos o equilíbrio um do outro, por isso que juntos aprendemos melhor.

Você não vive por mim, e eu não mudo por você, vivemos para sermos sempre melhores, assim proporcionamos os melhores e agradáveis momentos para nós, mudamos porque sabemos que as mudanças nos fazem bem.

Não precisamos de dias especiais para confessarmos ao outro o nosso sentimento, não precisamos de dias especiais para postarmos fotos com as mais belas declarações de amor, somos e vamos muito além dos dias especiais.

Confessamos incansavelmente que nos amamos, postamos fotos diariamente, fazemos jantares românticos com frequência, nos presenteamos sempre constantemente, e também discutimos, porém, logo fazemos às pazes.

As vezes parecemos Romeu e Julieta, outras vezes somos nós mesmo, é tão bom esse sentimento, esse relacionamento!

Hoje o mundo comemora o dia dos namorados e a gente vai um pouquinho mais além, comemoramos a nossa aliança, renovamos o nosso compromisso de nos respeitar, de sermos verdadeiros, de sermos companheiros, de somar na vida e na história do outro.

De não ter crises ou vergonha quando não sabemos ao certo porque as coisas não estão muito bem, ou quando algo não aconteceu como havíamos planejado.

A gente sempre é melhor junto, e isso torna o nosso amor fortalecido.

Só para não deixar despercebido neste dia tão importante, mas vou te contar bem baixinho, chega aqui perto, vou cochichar no seu ouvido… eu te amo! Parabéns pelos inúmeros dias que vivemos juntos e pelos inúmeros que viveremos juntos também!

Parece loucura, mas é verdade, sempre devemos nos apaixonar por quem topa as nossas loucuras, te amo!

CADA PEDACINHO MEU QUE FOI COLADO TEM UMA HISTÓRIA.

10/06/2020 às 21h00

Tive a obrigação de me reconstruir e em cada pedacinho colado tenho uma história, versão esta que poucos sabem, porque, foram pouquíssimos que me acolheram nos meus piores momentos.

E agora também não faço mais questão de compartilhar com quem não esteve comigo nos dias difíceis como foi que tudo aconteceu, muito menos como me reconstruir.

Já perdi tanto tempo remoendo o passado, sem ter forças para me livrar das mais cruéis culpas que eu vivia carregando comigo.

Somos mestres em confundir escravidão com gratidão, parece até loucura mas tem muita gente acorrentada sendo escrava na mais doce inocência, achando que certos sentimentos abusivos exigem da nossa parte a gratidão e aceitação.

Perco em meus pensamentos, tentando me encontrar em outros trajetos, recordo-me das inúmeras vezes que me sentia um pássaro dentro da gaiola com uma asa fora e a outra presa pelo sentimento pouco conhecido e pouco vivido por algumas pessoas, a adorável generosidade.

As situações passadas me advertiram que a gratidão, não torna as pessoas refém das outras, pelo contrário as torna livres e leves.

Quanto tempo fui escrava, logo eu que amo a liberdade estava presa pelo simples fato de me tornar tão escrava das minhas generosas lembranças, às vezes fazemos coisas conosco que com o passar do tempo duvidamos da nossa inocente capacidade de se amar e acabamos nos anulando, nos sabotamos para libertar o outro, para atender as necessidades fúteis do outro.

Carreguei muito tempo as cobranças e as vozes até pouco tempo emitiam o som de culpa, isso me deixava tão insegurança.

Porque às vezes nos doamos tanto ao outro e esquecemos de nossos sentimentos, estamos sempre protegendo o outro, e esquecemos que estamos só o caco.

Ainda argumento com os meus pensamentos e confesso que também com o meu entendimento de que não é muito assertivo quem faz o mais sarcástico comentário, sinceramente eu acredito que a pessoa não sabe se expressar direito quando diz que “só damos o que recebemos”.

Isso não é correto, desaprovo totalmente a frase, porque conheço pessoas que não receberam amor e doam-se sem esperar nada em troca. Mas, também conheço pessoas que receberam tanto amor, porém, não sabem amar.

Acertou quem disse que não devemos fazer com as outras pessoas o que não gostaríamos que fizessem conosco.

Hoje me sinto uma pessoa inteira, claro que carrego cicatrizes como todos vocês, cada pedaço meu colocado traz uma lembrança e também uma história, algumas boas, agradáveis e felizes; outras tristes, desagradáveis, porém, necessárias para que eu prossiga o meu trajeto.

Sabe, também descobrir que sou mestre em sofrer, em fazer escolhas erradas, mas o que me deixa feliz é que sou excelente em levantar, sacudir a poeira e recomeçar.

Pedaços colados não gera a mesma tristeza ou incerteza como da primeira vez que foi quebrada, destruída e despedaçada.

Chega uma hora que a gente já até sabe quando existe algo que não vale tanto a pena investir, então, que se siga o trajeto dançando conforme se toca a música, colando apenas os cacos necessários.

AMOR-PRÓPRIO

09/06/2020 às 11h40

Como queria trazer comigo só os bons momentos e sem culpa do nosso …“ADEUS”…

Só que não foi isso que aconteceu, eu trouxe comigo a culpa como também as incertezas, todos os dias me questiono, como fui capaz de deixar para trás tantos momentos bons, quando resolvi terminar a nossa história, eu pensei somente no momento e não calculei as consequências.

Pensei que seria fácil e que nossos amigos entenderiam.

A questão é que nem eu entendo!

Em nossas reuniões de amigos ouço sempre o seu nome, eles sempre relembram dos melhores momentos que vivemos juntos com você.

Sei que você também passa por isso, lhe peço desculpas por todos os constrangimentos que lhe causei quando terminei contigo.

A verdade é que eu não queria trazer uma parte sua, e muito mesmo deixar em você uma parte minha, a parte que nos machuca tanto: a solidão.

Se por acaso os nossos caminhos se cruzarem novamente, espero que me conceda a oportunidade de mudar essa história, me permitindo substituir esse triste sentimento pela … “FELICIDADE e o PERDÃO”…

Enquanto isso não acontece, cuidarei do seu melhor sentimento, esse que te mantém feliz e te incentiva à procura a sua melhor versão: o amor-próprio!

ELA É SÓ DELA

03/06/2020 às 11h06

Estão vendo aquela moça sozinha, senta no banco da pracinha, tomando sorvete e apreciando o pôr-do-sol?

Algumas pessoas falam que além de bonita e simpática é uma garota legal e está solteira.

Eu sempre a encontro feliz, seu sorriso ilumina a nossa alma, só que ela é muito séria.

Não existe tempo ruim, e quando algo foge do controle, ela fala que só quer viver o hoje, e foca nas coisas boas e positivas e nada mais.

Adora as coisas simples da vida, ela é a favor do amor, da solidariedade e de paz, mas se for preciso ela sabe se defender, rapaz.

Ela tem jeito de menina, é livre, e sabe muito bem o que quer. Para ela não tem meio termo, é sim ou não!

Se ela gosta, ela gosta para valer, se não, sai fora rapaz.

Ela não tem mistérios, mas também não revela a fundo quem é, ela é muito na dela.

Ela gosta de viajar, curtir a vida, e adora uma praia, e não tem problema se não tiver companhia ela segue seu trajeto feliz da vida.

Essa moça é um caso sério, ela não tem frescura, nem jeito de mulher mimada, é muito é decidida, tem atitude, ela é determinada até demais.

Ela não sobrevive, ela realmente vive, tem liberdade, mas não extrapola seus limites.

Essa menina gosta das coisas mais simples da vida.

É bem-humorada, extrovertida e de alto-astral, a vida para ela tem sentido, e o presente é essencial.

Ela aprecia tão bem a vida e ama a sua própria companhia.

Quer saber a verdade meu rapaz? Ela é só dela e nada mais!

TENHA FÉ

30/04/2020 às 17h44

Pedro era um homem valente, destemido e ousado, mas foi preciso um vento forte e um mar agitado, para ele se entregar ao medo e duvidar da sua capacidade, infelizmente agimos com Pedro, nos perdemos nos trajetos da vida.

O que aconteceu com Pedro, não é muito diferente do que acontece conosco, se pararmos para analisar, a quantidade de vezes que agimos como ele, ficaríamos assustados, pois é comum vivermos focados em nossas dificuldades.

Todos nós sabemos que sempre teremos dias difíceis, agitados e tribulados, como também sempre teremos Cristo Jesus ao nosso lado, nos orientando e nos direcionando em cada trajeto de nossa caminhada, a fim de que nossas atitudes e ações nos tornem livres das mazelas da “vida”.

Quando deixarmos de focar nos problemas, nas coisas improváveis, e nas dificuldades momentâneas, mudamos nosso foco e atitudes, passamos a olhar a vida pela lente da gratidão, então priorizarmos os momentos e as ocasiões positivas.

Damos menos ênfase nas tribulações, e em tudo enxergamos a generosidade e grandeza da vida em todos nossos percursos, nos tornamos gratos pelas nossas pequenas e grandes conquistas.

Depois que adquirimos essas experiências, é que somos capazes de alinhar a nossa fé com a nossa esperança.

E acredite, você é capaz de superar os problemas e as adversidades da vida, basta manter seus olhos e a sua fé fixa em seu criador.

Andar sobre as águas durante o mar agitado é acreditar em seu potencial e de que também nunca estará sozinho.

Se Pedro tivesse focado seu olhar em Jesus Cristo, ele andaria sobre as águas tranquilamente, mas, ele preferiu focar a sua atenção no vento e na agitação do mar. Não precisa te contar o que aconteceu, não é mesmo?

JAMAIS ESQUEÇA…

28/04/2020 às 19h18

Não foi porque as coisas não saíram da forma que você queria que eu te abandonei. Não foi porque sua vida teve uma nova direção que eu não estive contigo nos momentos mais difíceis.

Não foi porque seus planos não deram certo que eu não me preocupei com você. Não foi porque seus sonhos não se realizaram que eu desistir de ti ou não lhe ouvi.

Sei que foram tantas pedras no teu caminho, tantos obstáculos que você teve de vencer, tenho anotado todas as vezes que pensou em desistir, e justamente por eu não desistir de você, lhe dei razões, força e coragem para persistir.

Todas as noites enquanto você dormia eu renovava suas forças, te fazia acreditar que era capaz e com seu esforço, ousadia e determinação, você venceu!

Eu sempre me importei contigo, sentia todas as tuas dores e angustia, te abracei nas noites tristes e frias. Tuas frustrações mexiam comigo, sentia vontade de lutar as tuas guerras, mas eu não podia, não era porque eu não te amava, é porque eu sabia que era capaz e que superaria todas essas adversidades.

Tuas lágrimas me comoviam a ponto que eu chorava contigo, tuas dúvidas em relação ao meu amor e cuidado por ti, me maltratavam. Tua incredulidade me feria e também me entristecia, ainda assim, eu te entendia e te amava.

Enquanto você dormia eu te fortalecia para vencer o dia seguinte, e olhando para você dormindo o sono do justo, eu me perguntava: Em qual momento da sua vida eu te deixei? Quais foram as lutas que no tempo certo não te concedia a vitória merecida?

Quais das tuas lágrimas não foram restituídas em felicidades? Em que momento eu não substituir as tuas vergonhas por dupla honra?

EM TODO TEMPO EU ESTIVE CONTIGO, EU SOU O TEU TUDO O TEMPO TODO. ACREDITE EM MIM. VOCÊ NUNCA ESTEVE SOZINHO.

VAMOS FALAR SOBRE ESTILO, ELEGÂNCIA E QUALIDADE?

24/04/2020 às 16h34

 

Nós, da Walker, somos especialistas em fabricar bolsas e acessórios de couro legítimo ou sintético, e temos uma excelente linha de produtos para mulheres e homens exigentes e de bom gosto.

Quem almeja produtos de qualidade sabe que as bolsas de couro são incomparáveis a qualquer outro tipo de acessório.

Sem falar que toda mulher tem uma bolsa preferida!

Sabe aquela bolsa que não a deixa esquecer nenhum objeto importante e complementa seu visual? Nós fabricamos pensando em você.

Independente do seu estilo, a Walker tem a bolsa que combina com você.

Temos uma vasta coleção de modelos, cada um mais lindo que o outro!

Vale ressaltar que a bolsa de couro é imbatível quando o assunto é durabilidade, praticidade e elegância.

Aqui na Walker, temos bolsas para todos os gostos, e as de couro são a nossa especialidade.

Tudo feito com muito carinho, capricho e cuidado, respeitando o meio ambiente e utilizando matérias-primas de qualidade.

E tem mais, o nosso processo de fabricação é 100% brasileiro e garantia de 3 meses em todas as bolsas.

Confira nossos produtos no Instagram

  @walkerbolsas

Walker Artigos em Couro

Rua 240, n. 318, Setor Coimbra – Goiânia/ GO
Contato: 62 – 3921-2227
62 – 98554-4892
62 – 99268-6025
E-mail: [email protected]

ACREDITE EM VOCÊ E NOS SEUS SONHOS.

23/04/2020 às 15h52

Sempre me disseram para acreditar nos meus sonhos e acreditar na minha intuição, mas infelizmente ninguém me disse que o percurso arrancaria sangue dos meus pés, nem que me cansaria tanto, também, não me falaram que em alguns trechos de minha vida eu poderia descartas de minha bagagem o que não seria necessário.

Somente agora tenho este conhecimento de que existe um preço para tudo nesta vida e algumas dessas coisas não precisam ficar em nossas bagagens.

Eu quis parar por muito tempo muitos alguns objetivos e sonhos, e acabei arquivando alguns projetos na gaveta de minha escrivaninha, enterrei sonhos, busquei de todas as formas mudar o meu foco, ocupei minha mente e o meu coração com outros afazeres.

Só que não consegui desistir deles, confesso – eu relutei, mas o que posso fazer? O que sinto é mais forte que as adversidades, e não consigo me amedrontar diante das dificuldades.

Dentro de mim existe uma força maior, um querer maior, e quando eu penso em outros percursos, me sentindo sem rumo, sem propósito, sem foco.

Foi por isso que arranquei a máscara, e me mostrei ao mundo, declarei a todos a minha vulnerabilidade, e não me importei um segundo se quer com os julgamentos precipitados das pessoas invulneráveis à minha dor e aos meus sentimentos.

A verdade é que o sonho, o desejo e o projeto são meus, eu que tenho que correr atrás de meus objetivos, são dos meus pés que sairão sangues, sou eu que devo cansar, enfim; porque eu dividiria os meus objetivos com outra pessoa que não estão dispostas a pagar o mesmo preço que eu estou e com a mesma intensidade?

Sabe, somos tão capazes de transformar a nossa vida para melhor e ao mesmo tempo somos tão medíocres porque não estamos dispostos a pagar o preço pelo nosso sucesso, pelas concretizações de nossos sonhos.

Como é triste lembrar do passado e se deparar com as nossas falhas, com as nossas escolhas medíocres e perceber que os nossos sonhos não eram grandes e impossíveis, e sim nós que fomos pequenos e indiferente a eles.

Que sejamos nobres e que tenhamos o espirito da grandeza, e o conhecimento necessário, para pagarmos o preço por cada um de nossos sonhos, ainda que o percurso arranque sangue dos nossos pés e a gente se canse, porém, sejamos ousados para não desistir jamais.

CHEGA DE SOBREVIVER, É HORA DE VIVER O NOVO! PERMITA-SE.

20/04/2020 às 13h33

Quantos dias da sua vida você foi capaz de sobreviver ao invés de viver? Você sabe dizer?

Assustador esse tipo de pergunta, não é mesmo? Infelizmente muitas vezes fazemos isso com nós mesmo, passamos maior parte de nossas vidas sobrevivendo ao invés de viver.

Sobre“vivemos” em função do outro, priorizamos mais o “bem-estar” do outro e não damos a mínima importância aos nossos sentimentos, e olha que quando falamos que nos preocupamos com o nosso “bem-estar” é aquele bem-estar disfarçado, tipo: Se fulano está bem eu estou bem, quantas vezes você se doou ao outro e durante esse processo você se sentiu inútil, desvalorizado, porque suas atitudes nunca foram valorizadas?

A vida não se resume neste tipo de “bem-estar”, você não precisa sobreviver o tempo todo. Chega de querer ser forte o tempo todo, se permite a chorar, a ficar triste, demonstrar preocupada, brava, sensível, não tenha medo de mostrar a sua vulnerabilidade.

Pare um pouco e pense nas coisas que você tem vontade de fazer, parece ser a coisa mais boba do mundo, você até acha graça, mas não se permite. Será por quê? Porque você precisa ser forte o tempo todo, você me entende?

Não é um bicho de sete cabeças reservar um tempo para ler um livro, assistir um filme, tomar um café com um amigo, viajar com família, etc.

Só que para você é um pouco pior que um bicho de sete cabeças, pois você não prioriza suas vontades e ainda que tenha tempo para si, não se sente digno de desfrutar os teus desejos.

Pode ficar tranquilo, não vou te encher de teorias intangíveis e inalcançáveis e muito menos impensáveis.

Você tem estado tão sobrecarregado em sua rotina diária que pensar sobre a vida parece algo sem valor, mas tem valor sim, você é uma pessoa que tem todo direito do mundo de ser feliz.

Em qualquer uma das opções, eu tenho uma única certeza: sua vida pode melhorar.

Procure olhar mais para você, seja mais sensível aos seus sentimentos, respeite seus limites, acredite no seu potencial, permita-se a viver o novo, descarte as bagagens desnecessárias e tenha amor-próprio.

Quero apenas ter a oportunidade de lhe mostrar que, em várias situações podemos ver a vida por outro ângulo.

Chega de sobreviver, é hora de viver o novo! Permita-se.

TENHA SEMPRE UMA ESTRATÉGIA BEM DEFINIDA PARA EXECUTÁ-LA.

13/04/2020 às 09h33

Seja uma pessoa disciplinada, proativa, assertiva e focada, canalize as melhores estratégias para este dia e realize os objetivos mais importantes para este momento!

De nada adianta acordar cedo, e não ter um foco. De nada adianta programar o dia se não tem direção, plano e estratégias para coloca-los em pratica.

São necessários a compreensão e o entendimento de que tudo que iniciamos precisamos concluir.

A vida é passageira e o mundo vive em constante transformação.

Por isso, ao acordar tenha sempre em mente o que precisa ser realizado naquele momento e não demore para concluir. Saiba priorizar o que é importante!

Ás vezes nos estressamos em nosso trabalho, nos estudos, nos afazeres do dia a dia, porque cada coisa precisa ser feita no seu devido tempo, e na maioria das vezes somos mestres em procrastinar nossas atividades, deixando tudo para a última hora.

Então reclamos das pressões emocionais e psicológicas e acabamos ficando doentes e depressivos. Para que isso seja evitado, nada melhor do que termos sempre um bom planejamento diário e que tenhamos leveza quando estivermos realizando, focando em uma atividade de cada vez.

Nunca conseguiremos abraçar o mundo, seguir com os nossos olhos os voos dos pássaros, as ondas de um mar agitado e ainda apreciar o pelo pôr do sol ao mesmo tempo.

E existem determinada coisas que não competem a nós. Tipo abraçar o mundo, mudar as pessoas, e por vai.

E quanto as demais atividades do nosso dia é impossível fazer tudo ao mesmo tempo.

Comece o seu dia com objetivo em mente e as estratégias bem definidas para executá-la.

ENCONTRE SEUS MOTIVOS PARA SER GRATO

01/04/2020 às 19h39

Vamos contagiar os outros com nossa felicidade e gratidão.

Talvez para você que esteja passando por momentos difíceis é muito complicado encontrar um motivo para ser grato e mais difícil ainda contagiar alguém com a sua felicidade, não te julgo por isso, porque sei muito bem como é estar com muitos problemas e viver disfarçando que está tudo bem.

Por outro lado, acredito que quando pensamos positivamente, e refletimos sobre nossas conquistas, acende dentro da gente aquela esperança de tudo vai melhor, e vai mesmo, basta acreditar.

Tudo na vida passa e não é diferente para os momentos difíceis, para as adversidades, essa situação que tem tirado a sua alegria também vai passar, é só uma questão de tempo.

É comum a gente ficar sensível durante esses momentos caótico, mas depois, a gente aprende e supera, então, mudamos nossos focos e passamos a olhar a vida pela lente da gratidão e nos tornamos generosos nos trajetos da vida.

Então, encontramos o nosso motivo para sermos gratos e acabamos contagiando o outro com nossa felicidade.

Nem todos os dias temos um motivo para ser feliz, mas com certeza, a cada segundo da vida, temos motivos para sermos gratos.

FOTINHO DO PERFIL DO WHATSAPP

30/03/2020 às 14h39

Para de ficar visualizando essa foto do perfil do WhatsApp e convida logo para sair. Você ainda vai acabar perdendo essa oportunidade. Vai por mim!

Sabe, sempre que eu olho o meu celular e me deparo com tantos “contatinhos”, se bem que hoje é comum homens e mulheres terem esse novo esquema, porque assim, ninguém é de ninguém. Como também, ninguém precisa dar satisfação para ninguém, a tal sofisticada evolução e modernidade do século.

A moda agora é ficar e depois sumir, cada um seguindo o seu caminho e cuidando de sua vida.

Só que chega uma hora que o “contatinho” cansa e também a outra pessoa cansa de ser sozinha.

Mas tem algo interessante, tem um “contatinho” que marca mais que os outros e sempre deixa saudade e boas lembranças.

Aí ficamos na dúvida será que eu procuro, ou deixo que essa pessoa tenha atitude?

O tempo também passa e a outra pessoa também cansa de ter ou ser “contatinho” e quem tem muito, no final não tem nada.

A lenda do velho ditado popular: “Se você não sabe para onde ir, qualquer caminho serve”. Mas, quem sabe o que quer, qualquer coisa já não serve mais!

Aí quem um dia era “contatinho”, já não quer ser mais, passa a viver uma vida diferente, passa a se valorizar mais, começa vivendo uma vida totalmente irreconhecível, muda e muda para melhor. É, algumas pessoas que tinham “contatinhos” agora busca um relacionamento fixo.

Sabe aquela pessoa que você gosta mais que as outras? Então, essa pessoa agora está em outra, está vivendo um novo tempo. E você fica aí só olhando a fotinho do perfil do WhatsApp. Até quando vai ficar ensaiando o seu discurso e analisando qual a hora e o tempo certo para mandar a mensagem?

Puxa, no dia que você decide mandar aquela mensagem, descobre que a foto e a mensagem do perfil do WhatsApp mudaram, não se contenta e olha os stories e as fotos do Instagram e infelizmente descobre que essa pessoa “especial”, que era diferente e que deixou saudades e boas lembranças já estar comprometida.

Aí você pensa: Poderia ser eu, só que não é…

Sabe porque agora essa pessoa estar com alguém, é só porque ela nunca se contentou com os tais “contatinhos”, na verdade, queria só alguém que almejava um relacionamento sério também.

Chato né, essa pessoa podia ser você, mas não é!

ATÉ QUANDO?

27/03/2020 às 11h56

Esta foi uma das primeiras perguntas que ouvi hoje ao ligar a televisão, o assunto agora é sobre o Coronavírus-19.

Fiquei observando o noticiário e algumas pessoas com suas expressões de preocupadas.

A questão é até quando ficaremos tristes e muito triste, apreensivo ao ligarmos a nossa televisão, lê jornais, olhar as redes sociais, isso tudo tem sido algo difícil nestes últimos dias, não é mesmo?

Estamos em casa entediados e em algum momento chegamos a murmurar por isso.

Nossa rotina mudou, não sabemos o que nos acontecerá nos próximos minutos, dias, semanas e meses.

Alguns infelizmente se despediram de seus entes queridos antes de serem medicados, ou de descobrirem que estava doente, não tiveram tempo de dizer adeus, muito menos pedirem que seus familiares, amigos e a nação se cuidassem. Outros estão isolados porque contraíram a pandemia e tem zelo pelos seus familiares, amigos.

A realidade é que uma grande parte da população está em casa para não contrair, e/ou evitar passar para o vírus para as outras pessoas.

Repetidamente ouve-se a mesma pergunta: Até quando as praças, parque, aeroporto, hotéis, escola, bares, praias, igrejas, ruas, restaurante, cinemas, academias, estarão vazios e hospital lotados? Até quando?

Até acharem uma solução? Um antídoto/cura?  Como vamos ficar? São estas e mais inúmeras perguntas que nós fazemos ou ouvimos outros nos perguntarem.

Em contrapartida, existem pessoas que estão lá fora, correndo risco de vida, tiveram que sair de seus lares para não permitir que mais pessoas morram.

Ações nobres e dignas de salvas de palmas, postagens nas redes sociais, divulgações nos meios de comunicação (na televisão e nos noticiários do jornal) enfim, parabéns a todos eles. Na verdade, já estamos vendo esses atos de reconhecimento e de gratidão.

Por outro lado, ainda nos deparamos com fake e com pessoas insensíveis ao momento, que usam deste trágico cenário uma forma de roubar, extorquir e defraudar o outro, seja através do furto nas casas, nos estabelecimentos e pior triplicando os valores de mantimentos, luvas, máscara e álcool em gel.

E a gente ainda ousa a se perguntar até quando?

Acredito que nada disso faz parte dos planos de Deus, do universo.

E nós que não entendemos o porquê, queremos respostas rápidas e sempre questionamos…. Até quando?

Provavelmente este trágico e enfadonho cenário permanecerá até que todos tenham consciência que precisamos um do outro, sem o outro não terá abraços, apertos de mão, beijos, toques, sem o outro não vamos poder sair para conversar, sem o outro não somos uma sociedade, não viveremos em comunidade, não seremos e não teremos família e amigos. Sem o outro não terá vida no planeta.

À pergunta ideal é: Até quando seremos egotistas? Individualistas, invulneráveis? Até quando?

Até quando iremos ouvir as notícias de mais pessoas sendo infectadas, isoladas ou vindo a óbito e acharemos que não vai acontecer conosco? E viveremos nossa vida sem respeitar o medo, a angústia e a vulnerabilidade do nosso próximo?

Seja luz, leve respeito, semeia amor, seja generoso, empático, grato.

O homem de uma forma geral já fez muitas coisas ruim a natureza, mas ela ainda está a nossa disposição, nos abrigando e acolhendo.

É hora de contribuímos. Sendo pessoas melhores. Vamos amar e respeitar uns aos outros.

Quando fizermos isso muitas coisas irão mudar e para melhor, inclusive nós.

Quem não quer receber e dar um abraço, um beijo, um aperto de mãos, um toque, estar com a família e viver em comunidade?

Se cada um fizer a sua parte, esse momento chegará logo! O universo nos aguarda! Mais uma vez seja luz!

UM DIA SAIR DO CASULO, ME TORNEI BORBOLETAS E VOEI

26/03/2020 às 11h30

Eu sempre acreditei na lei da colheita, do retorno, e das oportunidades, no tempo da espera, e de sermos eternamente gratos por todas as circunstâncias vividas e superadas em nossos trajetos.

Como também sempre acreditei que um dia os casulos da vida se transformam em belas borboletas.

Quem nunca teve medo de arriscar-se e se redescobrir? Quem nunca ficou inseguro quando o assunto era recomeçar?

Quem nunca sentiu aquele frio na barriga quando lhe fora necessário fazer algo diferente?

Todos nós já passamos por essa experiência, todos nós tivemos e temos medo, quando o assunto é: VIVER ALGO NOVO! Não é verdade?

Acredito que o nosso tempo de casulo, é o tempo necessário para entendermos os adventos adversos da vida, esse tempo é importante para aprendermos a trilhar novos caminhos, conviver com o que será novo, e com as novas pessoas também.

Para sermos livres e com responsabilidades, é fundamental nos conectarmos com a generosidade e, se disponibilizando a compartilhar todos os momentos com a gratidão, independente se foram bons ou ruins, a questão primordial, é olharmos o tempo todo e tudo em nossas vidas, pela lente da gratidão.

Houve uma época, que eu tinha tanto medo de enfrentar as adversidades, em contrariar as pessoas, e de seguir alguns trajetos de minha vida sozinha. Bobagem minha, só que para eu chegar nesse entendimento, tive que mudar minha maneira de pensar, e olhar a vida com outros olhos.

Hoje percebo que nada mudou, exceto eu, que mudei o foco. Todos nós temos nosso tempo, nosso momento, nossas escolhas, nossas histórias.

Só evoluímos, quando aprendemos a seguimos nossos trajetos mais cruéis sozinhos. Sim, haverá momentos que a única companhia permitida para a nossa evolução, é a nossa mesma.

Sentir e desfrutar o néctar das rosas, só é possível quando superamos os adventos tormentosos da vida. As asas são para todos, mas a ousadia de usá-las é para poucos.

A verdade é que o universo é extremamente incrível, mas também é extremamente perigoso, existem tantos obstáculos, precisamos superar inúmeras adversidades, persistir, e em alguns momentos (recomeçar), se reencontrar, se descobrir e se redescobrir, como também desistir. Sim, às vezes precisamos desistir de algo que não nos faz bem, e não acrescenta nada em nossa trajetória.

É assombrosamente maravilhoso, quando se olha todos os caminhos percorridos e vê em você a pessoa incrível que se transformou, sabendo que agora pode ir longe, bastando apenas focar em seus objetivos, usando as lindas asas, que a vida te presenteou, para fazer outras novas histórias.

Não deixe de usar suas asas e acredite, você é uma pessoa incrível e tem uma capacidade enorme de fazer novas histórias, de superação sempre.

OUSE LER ESTE TEXTO

19/03/2020 às 18h19

Nunca se sentiu tanto a falta de um abraço, do calor humano, de liberdade para transitar e falar com o outro. Nunca se sentiu tanto a falta de viver livre e frequentar shoppings, academias, livrarias, cafés e parques.

Nunca se sentiu tanta falta como agora de ficar com os familiares, visitar os avós, tios e primos.

Nunca ninguém imaginou que o mundo entrasse em alerta, e pedisse às pessoas afastamento. Jamais imaginaríamos que um dia sentiríamos a necessidade do afeto do outro, mas agora estamos! Isso nos incomoda, nos aflige…. Hoje nos damos conta como tudo isso faz falta.

Foi preciso um vírus para nos colocarmos à disposição do outro cuidando do seu bem-estar a tal ponto que não prejudiquemos nossa saúde e também a saúde do outro.

O mundo mais uma vez nos ensina que o amor deve ser demonstrado, que as pessoas precisam uma das outras, que necessitamos do abraço, do toque, do beijo, do aperto de mão. Precisamos estar em comunhão. A vida é isso, é estarmos na companhia do outro.

Agora entendemos que, por mais difícil que seja, conseguimos mostrar ao mundo e às pessoas a nossa vulnerabilidade e também compreender e respeitar a fragilidade do outro, sem julgamentos precipitados ou juízo de valores.

Infelizmente, alguns não aprenderam ainda a ser solidários e empáticos à necessidade do outro.

Já se questionaram como fica o outro quando se compram mantimentos para estocar, deixando as prateleiras dos supermercados vazias e seus carrinhos lotados, podendo dividir? Como fica o outro quando máscaras, luvas, álcool em gel são vendidos pelo valor acima do preço? Quando não respeitamos a vulnerabilidade dele? Quando centralizamos tudo somente em nós e o outro “que se dane”. Atitudes assim demonstram o cuidado somente consigo mesmo.

O mundo se despede de milhares de pessoas. Ainda não estamos imunes ao vírus. Não podemos mais trocar afetos até tudo se normalizar, mas podemos trocar amor, respeito, mensagens. Não podemos tocar as pessoas, apertar as mãos uma das outras, abraçar o outro, conversar tomando um café juntos. Não podemos frequentar shoppings, bares, academias, escolas, parques, cinemas etc.… não podemos… não podemos… porque é perigoso!

Mas podemos dobrar os joelhos, orar e agradecer a Deus pela nossa vida, mas também do outro.

Parabéns àqueles que não são invulneráveis à vulnerabilidade do outro!

VALORIZE A SUA ESSÊNCIA

16/03/2020 às 10h34

Não sei você, mas ultimamente vejo um mundo com outros olhos, e para falar a verdade não mudou nada, simplesmente eu que mudei o meu foco.

Olhar para as mazelas da vida e chorar pelo que não deu certo, murmurar pelos adventos adversos da vida, não muda nada.

Foi quando eu literalmente tirei meu foco nas coisas e voltei toda atenção para mim.

Comecei mudando meus pensamentos. Substituindo o tenho pelo posso. Eu posso ser uma pessoa feliz, realizada, traçando novos trajetos, eu posso escolher o que é melhor, eu posso fazer novas escolhas, eu posso sonhar novos sonhos, eu posso mudar minha história, eu posso escolher novos objetivos.

Depois comecei mudando minhas atitudes, fazendo escolhas que me dessem prazer, assumindo mais responsabilidades e me tornando uma pessoa mais assertiva, buscando sempre o equilíbrio e sabendo onde usar a razão e a emoção de uma forma mais racional.

Não é nada fácil mudar nossos trajetos, mas existem momentos que precisamos nos redescobrir e fortalecer nossa reestruturação, remodificação e ressignificação. Esses processos levam um tempo, mas nos fazem tanto bem.

Não sei o que você tem vivido, os caminhos e os adventos que vem superando ao logo dos teus trajetos.

Tenho uma notícia boa, você pode melhorar, você pode se reencontrar e mudar toda a sua história. Para isso acontecer, você precisa se permitir, se conectar primeiramente com você, curar suas emoções e voltar a sonhar.

Traçar novas metas e acreditar na sua capacidade, lutar pelos seus sonhos e jamais desacreditar no seu potencial.

Ainda que existam milhares de pessoas com o seu nome, tem um detalhe que preciso te contar, nenhuma delas traz consigo a sua significância para este mundo, para a humanidade e o universo, e nenhuma delas serão capazes de realizar tão bem o seu propósito, pois somente você tem o script da sua missão. Você é uma parcela única na humanidade, floresça e seja sempre você. Valorize a sua essência.

CARÁTER!

06/03/2020 às 11h58

“Não existe eficácia sem disciplina, determinação, caráter e foco. ”

Você sabe como ninguém que suas lutas sempre exigiram renuncias; e algumas delas até lhe custou grandes perdas como a desistência de certos projetos, planos, sonhos, e tudo isso lhe causou aborrecimentos, choros, angustias, e também “desespero”, mas você superou tudo e todos os desafios.

Você venceu seus dias difíceis! Foi eficiente nos detalhes e eficaz nas decisões.

Você sabia que uma decisão errada comprometeria tudo que já tinha iniciado, e também entendeu através da dor a importância da disciplina e o quanto é importante não negociar o caráter.

A vida é assim mesmo, sempre iremos aprender algo durante os trajetos da vida, e são através desses aprendizados que superaremos as adversidades que surgirem em nossos caminhos.

O que determina cada ser humano não são somente suas escolhas, mas também seu comportamento, seu caráter e sua vontade em se tornar um vencedor, porém, o verdadeiro vencedor precisa manter a diplomacia, a constância e o amor próprio.

Só reforçando não são as circunstancias da vida ditam em determinados trechos de sua trajetória o nosso sucesso ou fracasso, somos nós quem ditamos o que nos fará prosseguir ou desistir.

Ah também não esquece de um pequeno detalhe: Você pode realizar todos os seus sonhos, planos e projetos, basta ter foco e determinação.

Você nasceu para ser um vencedor!

NUNCA É TARDE PARA RECOMEÇAR! A VIDA É FEITA DE RECOMEÇOS

21/02/2020 às 13h49

Quem nunca se deparou com algumas circunstâncias da vida, que exigiram calma, sabedoria, sensatez e domínio próprio?

Embora cada um tenha seu tempo para aprender, amadurecer e entender, que a vida exige mais de nós mesmo do que do nosso próximo, isso pode levar tempo!

Nada é por acaso, tudo tem uma razão para existir e acontecer.

Sabe, às vezes, achamos que o tempo passou e acabamos nos acomodando com determinadas situações, as quais deveriam ser eliminadas da nossa trajetória.

Enganamos a nós mesmos, repetindo que as oportunidades não voltam, que caso não aproveitemos a oportunidade, a nossa chance, infelizmente, passa.

Definimos nossos sonhos como tolos ou impossíveis. Mas, nada é por acaso!

Simplesmente as coisas acontecem porque devem acontecer, não é acaso ou destino; é simplesmente porque Deus existe e Ele quer que aconteça! Pois Ele sabe o que é melhor para nós.

Tudo e todas as coisas têm seu tempo, claro, assim como temos o nosso tempo, ele só evolui quando nós entendemos que precisamos virar páginas, deixar algumas coisas para trás ou até mesmo certas pessoas.

Sim, às vezes deixamos algumas oportunidades passar, mas, isso não quer dizer que a nossa felicidade passou também.

Nada na vida é eterno!

Pessoas e oportunidades sempre passarão e sempre chegarão. Por isso, devemos lutar por aquilo que queremos e acreditar em dias melhores, pessoas melhores, circunstâncias melhores, soluções melhores para determinados problemas. Sonhamos e idealizamos, tudo isso faz parte dos recomeços.

Não é fácil recomeçar, mas é possível. Sim, podemos criar oportunidades. A nossa vida é feita e refeita de oportunidades.

Errar não limita a nossa vida, nossas melhorias e ideais. Somos seres humanos, sujeitos a erros, e não máquinas, temos sentimentos que podem ser melhorados, lapidados e mantidos.

Temos infinitas oportunidades para recomeçar…

Recomeçamos todas as manhãs e todas as noites. Fomos feitos para recomeçar, um dia após o outro. Ao se deitar lembre-se: você foi criado para recomeçar.

Ao se levantar lembre-se: é mais um dia em que você vai recomeçar uma nova história.

Seja o autor da sua felicidade, seja o realizador de seus sonhos, seja sua motivação. Tenha foco, e alimente sua fé. E, quando perder o controle, não se apavore.

Alguém que venceu a tempestade, guiará você até o seu destino. Confie em Deus e recomece quantas vezes for preciso. Não se limite, não se ignore, não se desmotive. Porque a vida é feita de recomeços!