Revista Statto

FIBRAS AJUDAM A EMAGRECER

19/05/2019 às 12h06

As fibras obrigatoriamente têm que fazer parte do dia a dia alimentar, não podem faltar nas refeições, sejam no café da manhã, no lanche ou no jantar. Elas são essenciais à saúde, porque ajudam na prevenção de doenças graves e na manutenção do peso.

As frutas, vegetais, pães integrais, nozes, legumes, cereais integrais e farelos são ricas fontes de fibras. Hoje em dia, a população tem consumido cada vez mais alimentos industrializados, refinados e pobres em fibras. Estudos comprovam que isso tem favorecido doenças como obesidade, diabetes, problemas cardiovasculares, constipação intestinal, hemorroida e câncer de cólon.

Os cereais perdem até 95% das suas fibras durante o processo de refino. Por isso, é preciso ficar atento ao rótulo dos alimentos industrializados que indicam a presença de fibras.

Dica boa para emagrecer é que, além de montar um cardápio especial para reeducação alimentar e apostar em uma rotina diária de exercícios físicos, consuma 1 colher de sopa de farelo de aveia misturada às refeições 3 vezes ao dia. O intestino vai funcionar melhor e a fibra vai te ajudar a eliminar o excesso de peso!

MAS COMO CONSUMIR MAIS DESTES ALIMENTOS?

Ao optar por uma alimentação mais integral e variada, você automaticamente aumenta o consumo de fibras alimentares. Por isso, a recomendação é sempre que as verduras e legumes ocupem boa parte do prato. Outra fonte rica de fibra é o feijão, um ingrediente presente na mesa da maioria dos brasileiros.

Ao consumir arroz, pães e massas, a dica é comprar esses produtos integrais, já que as versões refinadas perdem grande parte das fibras durante o processo de refinamento. Outra sugestão é aproveitar cascas e bagaços de frutas. Vale fazer vitaminas, sucos ou consumi-las picadas.

QUAL A QUANTIDADE DIÁRIA RECOMENDADA DE FIBRAS?

Os nutricionistas recomendam que a ingestão diária de fibras seja de 25 a 35 gramas. Para crianças acima de 2 anos e jovens até 20 anos, a recomendação diária é igual ao número da idade mais 5 gramas. No caso de idosos, o indicado é de 10 a 13 gramas. Desse total, cerca de 70 a 75% devem ser de fibras insolúveis e 25 a 30% de fibras solúveis.

QUAL ESCOLHER

AS FIBRAS solúveis (frutas, verduras e leguminosas) atrasam o esvaziamento do estômago, o trânsito intestinal e a absorção da glicose (por isso, são uma mão na roda para quem quer emagrecer!). Elas ainda provocam a diminuição do colesterol no sangue

AS FIBRAS insolúveis (farelo de trigo, cereais e grãos integrais), tem o efeito contrário: aceleram o trânsito intestinal e aumentam o bolo fecal, por isso é preciso ter cuidado com a quantidade ingerida.

É importante ter sempre em mente que o consumo de fibras deve ser sempre acompanhado de uma boa ingestão de água. O líquido é essencial para que a digestão aconteça de forma adequada. O recomendado são oito copos de água diariamente, de forma fracionada, o que equivale a dois litros.

 

Compartilhe!