Revista Statto

SIM, VOCÊ TAMBÉM É DE LUA!

29/04/2019 às 11h27

Você sabia que a Lua interfere, e muito, no nosso humor e nas nossas ações?

A grande maioria das pessoas nem imagina o quanto a Lua influencia e afeta diretamente nossas vidas, inclusive as nossas emoções. Este astro, que não é um planeta, e sim um Luminar, leva em torno de 28 dias para dar a volta inteira no zodíaco, passando por suas quatro fases: nova, crescente, cheia e minguante.

Essa forte e poderosa influência que afeta nosso dia-a-dia, pode ser explicada pela grande energia que Lua tem. Cada fase tem um estimulo e vibração diferente e sabendo aproveitar e planejar a nossa vida com esses ciclos da natureza, podemos ter muitos ganhos e evitar grandes conflitos!

Quando o Sol e a Lua estão passando pelo mesmo signo e em graus muito próximos, eles estão, como chamamos na astrologia, em conjunção. Esse período é chamado de Lua Nova, é o momento para dar inicio aos nossos projetos, começar o planejamento de tudo que queremos que vingue durante o ciclo lunar. Também chamamos de uma fase de “germinação”.  É na Lua Nova que a estratégia prevalece, é a hora da criatividade aflorar, começar aquele curso tão esperado, iniciar um novo trabalho e também dar o pontapé inicial naquilo que vamos colher na fase da Lua Cheia.

 

A segunda fase do ciclo lunar é chamada de Lua Crescente e é quando Sol e Lua estão a 90 graus de distância entre si, formando uma quadratura, que é um aspecto desafiador na astrologia. Nessa fase é o momento de ver quais as sementes que foram plantadas na Lua Nova que vão vingar. Na Lua Crescente as coisas serão testadas, passarão por resistências e desafios, mas é nessa hora que o que tiver que crescer e florescer permanecerá e aquilo que não germinou, ficará de lado ou para um novo ciclo lunar . A Lua Crescente é a hora de enfrentar, lutar, pois ainda existe tempo para transformar aquilo que projetamos na Lua Nova.

 

Na Lua Cheia, que é o terceiro ciclo lunar, é quando Sol e Lua estão em signos opostos, ou seja, estão se “encarando” e se encontram a 180 graus de distância. O Sol ilumina a Lua no seu ponto máximo. A atração gravitacional do Sol e da Lua sobre a Terra está em nível máximo, é um momento de transbordamento total. Tudo que foi plantado na Lua Nova e mantido e crescido durante a Lua Crescente, toma forma, é o ápice do ciclo. Durante a Lua Cheia, as pessoas estão mais eufóricas, saem mais, bebem mais, estão mais dispostas sexualmente e também ficam mais ansiosas. Interessante você perceber que durante a Lua Cheia, tendemos a reter mais líquido, ganhamos inclusive uns quilinhos a mais! As marés ficam altas e agitadas, tudo devido ao aumento de força gravitacional.

E para finalizar o ciclo lunar, chega o momento de se recolher e buscar interiorização durante a Lua Minguante. É o momento de menor força gravitacional da Lua sobre a Terra. Durante a Lua Minguante devemos olhar para dentro, analisar os erros e acertos, é tempo de finalizar pendências e ciclos. Não é um bom período para lançar produtos e empreendimentos, pois tudo está minguando e as pessoas estão mais introspectivas. A Lua Minguante pede reflexão e análise interior, é hora de descansar o corpo, a mente e alma para, assim que chegar a próxima lunação, a Lua Nova, começarmos tudo novamente com mais aprendizados, foco e felicidade.

 

 

Bento Ilha

www.bentoilha.com.br
Telefone: (51) 9693.2282

Compartilhe!