Revista Statto

ENTREVISTA JAIR KOBE “O GURI DE URUGUAIANA”

14/10/2019 às 09h29

Jair Kobe, um humorista porto-alegrense de cabelos grisalhos que interpreta um reconhecido personagem pelo mundo afora. Ele conversou conosco e conta um pouco de sua trajetória interpretando o “Guri de Uruguaiana”, um personagem gaúcho que diverte a plateia com o seu talento, seus causos e suas inúmeras versões do Canto Alegretense. Afinal, na Semana Farroupilha não pode faltar o Guri, “Mas Bah, Tchê”!

Como surgiu a ideia de criar o Guri de Uruguaiana? Qual a fonte de inspiração?

Em 2001, aos 42 anos de idade, estreei meu primeiro show de humor, o Seriamente Cômico, no Teatro do Ipê, que tinha 4 personagens, entre eles o Guri de Uruguaiana. O processo criativo foi fruto da observação. O Guri de Uruguaiana representa o gaúcho tradicional, que se orgulha dos nossos costumes e da nossa tradição e valoriza muito a nossa vestimenta, nossa música, nossa dança. Mas ao mesmo tempo, ele é um personagem que está ligado nas tecnologias, nas mídias sociais. Esta fusão entre o tradicional e a modernidade faz o Guri de Uruguaiana ser um personagem de tanto sucesso.

Como você administra 3 milhões de seguidores no Facebook. Como chegou a essa marca?

Possuo uma parceria com uma agência de conteúdo e marketing digital – a Artebiz – que gerencia todas as minhas redes sociais há mais de 8 anos, com muita criatividade e profissionalismo.  Esta parceria me possibilitou estar na vanguarda das mídias sociais, desde 2010, sempre atento a mudanças deste mercado.

O Guri é um sucesso regional; já ocorreram convites para participar de outros programas a nível nacional além do Zorra Total?

Já participei do Programa do Ratinho, do Agora é Tarde com Danilo Gentili e recebi convite para participar do Faustão.

O Guri já se apresentou em outros estados ou outros países? Quais e a repercussão?

Sim. A recepção foi muito calorosa. Normalmente o público em outros estados e países é formado por gaúchos que estão morando fora. Fiz shows em Santa Catarina, Paraná, na Bahia, em São Paulo, Rio de Janeiro e nos Estados Unidos.

Até onde é saudável o humor?

Através de um humor sadio, o Guri de Uruguaiana atinge a públicos de todas as idades, de crianças a idosos, divulgando as tradições e brincando com esse orgulho que o gaúcho tem de suas próprias raízes.

A relação do Guri com os tradicionalistas é tranquila ou existem barreiras?

O Guri de Uruguaiana é muito querido no movimento tradicionalista e reconhecido como um dos grandes divulgadores da cultura gaúcha para as novas gerações. Através do humor do Guri de Uruguaiana muitas pessoas têm acesso a cultura gaúcha de uma forma leve.

O Jair Kobe tem outros personagens que gostaria de fazer/apresentar? Quais?

No meu show “Guri de Uruguaiana 2: A missão”, eu interpreto um mágico iugoslavo, o Sergay Baita Bichoviskky, que é um outro personagem bastante divertido, que adoro interpretar.

E o Licurgo, como nasceu a ideia de fazer um gaúcho emo e quem o representa?

O Licurgo é um personagem que criei para ser um ajudante, fiel escudeiro do Guri de Uruguaiana. Ele funciona muito bem como escada para as piadas, e apesar de não falar nada (o personagem é mudo) ele é muito expressivo. É impressionante o carinho que o público tem pelo Licurgo. Ao longo dos anos 4 atores já fizeram o papel de Licurgo.

Como tu te sentes sendo um grande representante da nossa cultura? Quais barreiras o Guri ultrapassa?

Acredito que a maior barreira que o Guri de Uruguaiana rompa seja justamente de trazer à tona o orgulho gaúcho para os jovens, que hoje em dia estão tão influenciados pelas redes sociais. Despertar o interesse nessa nova geração pela cultura do Rio Grande.

O que tu sentes a cada show que realiza?

É muito gratificante ver o sorriso estampado no público. Quando comecei minha carreira não imaginava que o personagem cresceria tanto. Hoje, após 10 anos de sucesso, o personagem possui quase 3 milhões de curtidores no Facebook, sendo um dos maiores influenciadores digitais do Rio Grande do Sul. Mas todo esse sucesso é fruto de muito trabalho e uma inovação contínua, sempre criando novas paródias e conteúdos criativos para as mídias sociais.

Para finalizar uma mensagem para todos os gaúchos e gaúchas de nossa querência.

Que valorizem as coisas do sul. Nossa cultura, nossa música e nossa comédia são muito ricas! Para acompanhar o meu trabalho, basta se inscrever no meu Canal no Youtube. Lanço 2 vídeos por semana!

Compartilhe!