Revista Statto

RESTAURANTES SECRETOS

13/09/2018 às 14h07

Durante mais de dez anos, a “Lei Seca” norte-americana esteve em vigor e, com isso, nasceram inúmeros bares secretos ou clandestinos onde se podia beber e comer à vontade, sem se importar com essa proibição.

Nessa época, havia muita fiscalização e perseguição e, para burlar, foram criadas senhas que permitiam entrar nos locais onde tinha farta gastronomia e muita bebida.

Passou o tempo, tal lei foi revogada, porém a tendência dos antirrestaurantes, como ficaram conhecidos, se espalhou pelo mundo.
Os restaurantes secretos são um conceito internacional, que consiste em fazer uma refeição num ambiente familiar, numa casa particular, na casa do chef ou num pátio reservado.

Normalmente envolvem uma proposta gastronômica exclusiva, com um atendimento especial, os clientes são tratados como convidados, sem horário para ir embora, e onde pessoas que não se conheciam se tornam amigos.

No restaurante tradicional o cliente fica sentado, esperando o atendimento e seus pedidos; nessa proposta, ele é um convidado que circula pelo ambiente e, se quiser, pode participar do preparo dos pratos, desde que siga à risca as regras de higiene e asseio.

O atendimento em casa, num clima de grande descontração e bem-estar, com liberdade, não compromete a qualidade nem impede a realização de uma alta gastronomia.

Crie um espaço bem bonito na sua casa. Se você tiver um quintal, melhor ainda. Você pode trabalhar com poucas mesas e atender somente reservas para evitar perdas. Venda exclusividade e seja caloroso com as pessoas. Prepare uma comida especial para incentivar a propaganda boca a boca. Uma boa divulgação nas empresas próximas à sua casa é fundamental.

Tenha sempre em mente que, quem recebe, tem que gostar de receber e, quem vai conhecer, tem que estar aberto a novas experiências.

Compartilhe!