Revista Statto

FEIRA DO LIVRO, SETE HÁBITOS NA HISTÓRIA DOS TRÊS PORQUINHOS

31/07/2021 às 13h05

O projeto aborda o Papeis de Liderança, na Educação Infantil vem com uma proposta desafiadora, despertar na criança suas qualidades, sua singularidade, seu potencial e fazendo isso em destaque natural sem competitividade com o outro e sim valorizando os pontos de exaltação do outro. Afinal todos lideram a si e a alguma situação.

Na rotina acelerada da sociedade a qual as crianças fazem parte mostrar a formação e importância de um hábito, de forma tranquila e natural. É algo desafiador, pois, as famílias fazem tudo ao mesmo tempo e cada dia de uma maneira. Muito disso às vezes por seus novos formatos como, por exemplo, a guarda compartilhada.

É necessário ter uma estrutura emocional, para conseguir atingir seus objetivos em mente.

Quando pensamos na sociedade que queremos ter em 20 anos, pensamos em como estamos preparando-a?

Estamos construindo esse indivíduo capaz de pensar, repensar, organizar e priorizar?

O objetivo é introduzir na vida emocional e social das crianças a importância do ser proativo, estar disposto em ajudar o outro sem pensar em beneficio como recompensa.

De ter um objetivo em mente e começar algo sempre pensando no resultado que se espera disto que está sendo executado.

Estabelecer prioridades a ser seguidas, fazendo primeiro o mais importante valorizando suas reais necessidades e importância.

Pensar no ganho coletivo e não apenas no seu êxito em conseguir. Compreender o outro em suas necessidades e vontades para depois o outro compreender e entender as minhas, assim se faz um ambiente calmo e harmonioso.

Contagiar a equipe na execução de um trabalho motivando a todos a sua volta a seguirem o mesmo clima de entusiasmo e busca de resultado.

Depois de tanto fazer para que tudo dê certo, levar a criança a perceber a importância de seus desejos e vontades nas atividades de relaxamento.

Precisou assumir nossas responsabilidades e isso vem acontecendo na sala quando um papel de liderança não é executado da maneira correta, retomamos o assunto e explicou a importância de o indivíduo fazer a sua função sem punição de não pode fazer mais essa tarefa e isso tem na história alguns não cumpriram o seu papel de liderança. E o importante é tentar executar mais uma vez, e outra, e outra.

Levar a criança a ter consciência de suas responsabilidades e que o cumprimento ou não de suas tarefas causam uma desordem no que estava previsto.

Um exemplo que sempre trago para sala é que se o Papel de liderança de material é composto por uma pequena equipe, se todos entregarem o caderno com o que faremos a lição? 

Se todos entregam os lápis onde faremos a tarefa? Ou seja… Mesmo com todos os detalhes cada um fazendo o seu papel este não tem menos ou mais valor, e sim a mesma importância.

——————————————————————–

Aline Michelly Reino Lopes, Michelle Viera, Veridiane Cardoso e Silvia Lara

Compartilhe!
SOBRE O AUTOR

Por

POSTS RELACIONADOS
COMENTÁRIOS

0 Comentários

ESCREVA UM COMENTÁRIO

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios.

IMPORTANTE!
As informações recebidas e publicadas são de responsabilidade total de quem as enviou. Apenas publicamos as matérias e notas que as assessorias de imprensa nos passam. Qualquer problema, envie-nos e-mail relatando o ocorrido que transmitiremos aos devidos responsáveis.
desenvolvido porDue Propaganda