Revista Statto

POSSO TRATAR MEU PET COM CANNABIS MEDICINAL?

13/03/2021 às 14h36

Dia Nacional dos Animais é comemorado anualmente em 14 de março

O Brasil é o segundo país na quantidade de animais de estimação, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), somando 139,3 milhões em 2018.

Para conscientizar as pessoas sobre os cuidados e a importância do tema, uma série de datas comemorativas ocorrem ao longo do ano, começando com 14 de março, quando se comemora o Dia Nacional dos Animais, passando por 17 de agosto, o Dia da Adoção Animal; 4 de outubro, Dia Mundial dos Animais; e 18 de outubro, Dia da Libertação Animal. Cada uma ao seu modo, mostra a importância dos pets na vida de pessoas de todas as idades e no mundo inteiro.

Ao lado do amor e cuidado dedicados e que caminham na jornada de famílias com pets, a medicina mantém sua evolução e atenção também a esta população, oferecendo tratamentos diferenciados como aqueles que são a base de cannabis medicinal, com resultados já observados na redução da ansiedade, diminuição de inflamações, dores e da indução da apoptose (morte) de células cancerígenas, entre outras.

A médica Ailane Araújo, especialista em medicina do futuro e uma das primeiras prescritoras de cannabis medicinal no Brasil, explica que o tratamento é feito de várias formas. “Fora do Brasil, há opções que incluem linhas específicas com diversos tipos de produtos, entre os quais estão gel, óleos e até biscoitos. Estes itens ainda não são encontrados no mercado nacional. Por aqui, os médicos veterinários trabalham com prescrição e os produtos são importados”, diz. Sobre tempo, ela explica que não existe um prazo específico de tratamento. “Pode ser até pela vida toda do animalzinho”, diz, lembrando que, assim como em humanos, a dose depende do sistema endocanabinóide de cada um. “Cabe ao médico veterinário ajustar a dose até encontrar a ideal”.

A médica, que também é fundadora e diretora do primeiro Centro Brasileiro de Referência em Medicina Canabinóide (CBRMC), localizado em São Paulo, ministra cursos de formação de médicos veterinários para atuar com cannabis medicinal.

———————————————————————————————————————————————————————————————————

Sobre a Dra. Ailane Araújo

Dra. Ailane Araújo trabalha há 12 anos somando conceitos da medicina integrativa, metabólica, do futuro e Cannabis Medicinal, com certificação internacional pelo Medical Marijuana Inc, (EUA) e é membro da International Cannabinoid Research Society.

Com vasta experiência no manejo e no ensino de cannabis medicinal, é uma das primeiras prescritoras no Brasil, além de pesquisadora do sistema Endocanabinoide e do papel terapêutico dos Fitocanabinoides em diversas patologias.

Organizadora e palestrante de cursos, congressos, palestras e eventos médico científicos sobre cannabis medicinal, Ailane é idealizadora e professora do I Curso Prático de Cannabis Medicinal, ministrado no CBRMC.

———————————————————————————————————————————————————————————————————

Sobre o CBRMC

Fundado pela médica Ailane Araújo, o Centro Brasileiro de Referência em Medicina Canabinóide (CBRMC) é o primeiro do Brasil e oferece atendimento a diversas patologias tratadas com cannabis medicinal, entre as quais estão Síndrome de Willians, epilepsia, autismo, dores crônicas, doenças neurodegenerativas, mal de Parkinson, Alzheimer, fibromialgia, HIV, ansiedade, depressão, doenças autoimunes e câncer.

————————————————————————

Luciana R. Brick

Analista de Comunicação – Comunica Hub

Compartilhe!
SOBRE O AUTOR

Por

POSTS RELACIONADOS
COMENTÁRIOS

0 Comentários

ESCREVA UM COMENTÁRIO

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios.

IMPORTANTE!
As informações recebidas e publicadas são de responsabilidade total de quem as enviou. Apenas publicamos as matérias e notas que as assessorias de imprensa nos passam. Qualquer problema, envie-nos e-mail relatando o ocorrido que transmitiremos aos devidos responsáveis.
desenvolvido porDue Propaganda