Revista Statto

MICROBIOTA CUTÂNEA: SUA BELEZA E IMPORTÂNCIA EM TRATAMENTOS ESTÉTICOS

11/10/2020 às 17h29

O QUE É MICROBIOTA?

É o conjunto de microrganismos que habitam nos tecidos e fluidos humanos, composto por bactérias, fungos, leveduras, ácaros e vírus.  Cada local anatômico possui seu microbioma específico.

BACTÉRIAS E A PELE

A pele é considerada a primeira barreira imunológica do organismo humano.  Mais do que uma barreira física contra os possíveis patógenos, ou seja, ela impede fisicamente que esses antígenos consigam ‘invadir’ o organismo.

Os microrganismos estão na pele e também no intestino. Várias desordens cutâneas podem estar relacionadas ao desequilíbrio destes microrganismos cutâneos e intestinais. É importante sempre pensar no Reequilíbrio desta microbiota para que resultados de tratamentos estéticos sejam mais promissores.

MICROBIOTA DA PELE E COSMÉTICOS PROBIÓTICOS

No dia a dia, nossa microbiota fica exposta a agentes externos como pH, umidade, temperatura, radiação UV e poluição assim como fatores internos, hormonais, idade, estresse, oleosidade, alimentação. Todos estes fatores podem causar danos e desequilíbrio na barreira cutânea e na microbiota cutânea, resultando em processos alérgicos, acne, dermatites, rosácea, eczema.

Esse aumento nos quadros de desordens cutâneas são indícios claros de que o ambiente é capaz de influenciar na microbiota da pele, o que demonstra uma necessidade por produtos cosméticos que auxiliem a restaurar a flora bacteriana da pele, mesmo em ecossistemas desfavoráveis a esses microrganismos.

Alguns cuidados como hábitos de higiene também podem regular a microbiota da pele. Além isso, a limpeza diária com surfactantes e agentes de limpeza, em uso excessivo, pode causar a remoção desta barreira cutânea.

MODULAR OU ELIMINAR BACTÉRIAS?

Modular a microbiota é reequilibrar, o que difere de eliminar onde utiliza-se substâncias “antimicrobianas” que destroem microrganismos.

O reflexo da modulação do microbioma através do uso de cosméticos pré e probióticos, forma uma barreira mais íntegra, que impede a perda de água transepidermal, como também impede que alérgenos penetrem facilmente na pele.

Para que o seu tratamento estético tenha um resultado melhor, a Clínica INANNA realiza o gerenciamento da sua pele, onde é avaliado, planejado e indicado o tratamento adequado e os ativos cosméticos e nutricosméticos ideais para você. Podemos citar, de maneira geral, alguns cosméticos que tem a ação de modular e restaurar a microbiota cutânea como:

Fensebiome – com ação prebiótica, contribui para o aumento da diversidade e equilíbrio da microbiota cutânea.

Aveia Coloidal – Possui propriedades hidratantes, calmantes e anti-irritantes. Também ajuda no equilíbrio do pH cutâneo por ser rico em lipídeos essenciais, ácidos graxos e conter antioxidantes naturais.

Vederine – Ativo natural extraído da raiz da chicória, que atua como vitamina D-like, restaurando as funções dos receptores de vitamina D, além de atuar na manutenção da função barreira da pele.

Podemos ainda citar nutricosméticos que vão muito além de modular e restaurar a microbiota cutânea, por exemplo:

Red Orange – Extrato de três variações de laranjas vermelhas.  Fortalece as defesas da pele contra a radiação, auxiliando na fotoproteção além de possuir propriedade anti pollution.

Oli-Ola – Extrato natural do fruto da oliveira, padronizado em hidroxitirosol, auxilia na redução da hiperpigmentação da pele, estímulo de colágeno e elastina e ação antiglicante.

Lacto-Licopeno – Possui ação antioxidante e anti-inflamatória, neutralizando radicais livres e protegendo a pele contra os danos causados pela radiação UVB.

Lactobacillus rhamnosus – Redução da oleosidade e melhora da acne.

Bifidobacterium breve – Prevenção da perda de elastina e flacidez cutânea na fotoexposição.

Mantenha seu equilíbrio

Mantenha sua beleza

Seja estética

Seja Saúde

Seja Mais

Seja INANNA!!

Compartilhe!
SOBRE O AUTOR
Ana Picolini

Por

POSTS RELACIONADOS
COMENTÁRIOS

0 Comentários

ESCREVA UM COMENTÁRIO

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios.

IMPORTANTE!
As informações recebidas e publicadas são de responsabilidade total de quem as enviou. Apenas publicamos as matérias e notas que as assessorias de imprensa nos passam. Qualquer problema, envie-nos e-mail relatando o ocorrido que transmitiremos aos devidos responsáveis.
desenvolvido porDue Propaganda